noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Argentina empata e respira com dificuldade na Copa América

Pin Argentina empata e respira com dificuldade na Copa América. EFE
Argentina empata e respira com dificuldade na Copa América. EFE

Argentina empata e respira com dificuldade na Copa América

Daniel Fraga por Daniel Fraga @besoccer_es - 1 +12k

Graças a Messi, que marcou de pênalti, e a Armani, que defendeu uma penalidade do Paraguai, a Argentina evitou a segunda derrota seguida e ainda está viva na Copa América do Brasil. O resultado no estádio Mineirão, em Belo Horizonte, não garante a classificação das seleções, que ficaram no empate em 1-1 e voltam a campo no fim de semana.

Argentina e Paraguai chegara a Minas Gerais após más estreias e precisando somar pontos. Diante da Colômbia, Di María teve péssima atuação na derrota por 2-0 e perdeu a titularidade para De Paul nesta quarta-feira, bem como Agüero, que deu lugar a Pereyra. O Paraguai, por sua vez, começou sua participação no torneio deixando escapar os três pontos contra o Catar após ceder o empate em 2-2.

O hitórico de confrontos entre as equipes trazia um ingrediente especial, foi a 100ª vez que as seleções se enfrentaram, com amplo domínio argentino: 54 vitórias, 30 empates e 15 derrotas. Além disso, os paraguaios nunca haviam ganhado no confronto pela Copa América. Eram 19 vitórias argentinas em 24 encontros e mais do que o triplo de gols marcados: 76 contra 22.

Nos primeiros lances, parecia que a Argentina dominaria a partida. Com maior posse de bola, o time de Lionel Scaloni se mantinha no campo de ataque, mas sem levar perigo ao Paraguai, que estava blindado e conseguiu evitar qualquer risco. A cada bola recebida, Messi tinha o espaço reduzido pela firme marcação.

Após 28 minutos de completa ausência de criatividade e finalizações, o setor ofensivo do Paraguai acordou e passou a frequentar a área argentina. Até que, aos 36 minutos, conseguiram abrir o placar em jogada de muita velocidade com Almirón pela esquerda, cruzando da linha de fundo para Richard Sánchez, que chegou batendo de primeira no canto esquerdo de Armani.

Mesmo após o gol, a equipe de Scaloni não conseguiu causar perigo. Na única finalização a gol, o '10' cobrou uma falta frontal sem força, facilitando a defesa de Gatito. Apesar da total ineficiência da Argentina, a equipe teve mais posse de bola durante o primeiro tempo (57%). O Paraguai arriscou mais vezes, com 5 chutes contra 1, mas cada equipe só teve uma finalização a gol.

Na volta dos vestiários, a Argentina partiu pra cima e aos seis minutos teve seu melhor momento. Após finalização de Lautaro no travessão, Messi pegou o rebote e bateu com força para ótima defesa de Gatito. O VAR foi ativado por um toque de mão após a batida de Lautaro e o árbitro marcou pênalti. Messi bateu forte à esquerda de Gatito, que pulou no lado certo mas não alcançou.

Cinco minutos depois, novo pênalti, mas para o Paraguai. González foi derrubado por Otamendi ao invadir a área e ele mesmo bateu. Armani pulou bem, esticando-se o suficiente para evitar o gol. Com o empate e a defesa de Armani, a Argentina tomou uma injeção de ânimo.

Os Paraguaios pareciam cansados na reta final da partida e com menos motivação, focados em evitar a derrota e com tentativas no campo argentino limitadas a contra-ataques sem perigo. Foi o time de Messi quem chegou mais perto do segundo gol e manteve o domínio de bola até o fim do jogo, acabando a partida com 55% de posse mas novamente sem a vitória

As duas seleções chegam à última rodada com chances de classificação. A Colômbia tem seis pontos e já está garantida como primeira do Grupo B. Paraguai, tem dois pontos, e Argentina e Catar, com um, ainda podem avançar.

Na última partida desta fase pelo Grupo B, a Argentina enfrentará o Catar, um dos convidados da competição, no domingo âs 21h (horário de Brasília) na Arena do Grêmio. Simultaneamente, os paraguaios encaram a Colômbia na Arena Fonte Nova, em Salvador.

Daniel Fraga

Daniel Fraga

noticias 71 RANK 12
LEITURAS 233K RANK 12
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook