noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

As contas de um campeonato a ferro e fogo

Priscila por Priscila @besoccer_es - 1 2,790

Pin Ainda está tudo por decidir na Liga Portuguesa. AFP
Ainda está tudo por decidir na Liga Portuguesa. AFP

As contas de um campeonato a ferro e fogo

Priscila por Priscila @besoccer_es - 1 2,790

A luta no campeonato português está mais acesa que nunca. Benfica e Porto, primeiro e segundo lugar respetivamente, continuam a lutar pelo título enquanto que logo a seguir as coisas começam a decidir-se aos poucos. O terceiro lugar esse já tem dono e foi o leão que rugiu mais alto.

Já não se via um campeonato tão disputado em Portugal há alguns anos. Depois de quatro anos de domínio absoluto do Benfica e com o final desse ciclo na temporada passada que culminou com o FC Porto campeão a temporada 2018-19 será recordada como uma das mais disputadas dos últimos anos. 

Até ao último apito tudo pode mudar. O FC Porto já teve sete pontos de vantagem sobre o Benfica que era nessa altura segundo, mas os desaires em Moreira e em Guimarães fizeram os dragões perderem terreno para o principal rival que desde a chegada de Bruno Lage tem superado expetativas e orgulhado os adeptos encarnados. 

Depois da vitória no Dragão, o Benfica assumiu a liderança e desde essa altura não a perdeu. Vitória atrás de vitória as águias têm feito o seu caminho de forma perfeita e perder pontos é uma palavra proibida no seio da Luz. Por outro lado, os azuis e brancos depois de novo desaire, desta vez em Vila do Conde, viram os encarnados distanciarem-se e ficarem a dois pontos de distância. 

Faltam duas jornadas para o final da temporada e o FC Porto precisa de vencer sempre e esperar uma derrota do Benfica. Recorde-se que em caso de igualdade pontual os encarnados serão sempre campeões, uma vez que, venceram os clássicos entre ambos. 

Os dragões precisam sempre de esperar por um erro rival enquanto que os encarnados estão apenas e só à sua mercê e podem, em caso de vitória frente ao Rio Ave e derrota dos dragões na Madeira, sagrarem-se campeões já na próxima jornada, penúltima do campeonato. 

Por seu lado, o Sporting que parecia caminhar para uma época menos conseguida, conseguiu encarrilhar as boas exibições e nesta jornada, ainda sem ter jogado, garantiu o terceiro lugar, que dá acesso direto à Europa League, depois de novo desaire do Sporting de Braga frente ao Marítimo.

A segunda luta mais quente está decidida e o 3º e 4º lugar estão matemáticamente atríbuidos com os leões a rugirem mais alto e assumirem o lugar mais alto neste duelo. 

Na luta pelo outro lugar que dá acesso às competições europeias (Sporting e Porto já estão na final da Taça de Portugal e cedem o lugar europeu a outra equipa), Vitória de Guimarães e Rio Ave são os melhores classificados para o conseguirem conquistar, uma vez que o Moreirense, 5º lugar até ao momento, não está inscrito nas competições, tal como o Belenenses (8º com menos um jogo). 

Nos lugares debaixo a luta continua igualmente acesa. O Feirense foi a primeira equipa a dizer adeus à primeira divisão mas o 16º e 17º lugar, por agora ocupados por Tondela e Nacional respetivamente, continuam a ser disputados e nenhuma equipa quer ficar nos lugares vermelhos. 

O Marítimo garantiu a manutenção com a vitória sobre o Sporting de Braga enquanto que o Santa Clara pode fazer o mesmo no duelo deste domingo frente ao Tondela. Aves, Portimonense, Boavista, Vitória de Setúbal e Chaves têm pela frente uma corrida importantíssima para não se deixarem apanhar por Tondela e Nacional, que estão neste momento a ocupar os lugares de despromoção da Liga. 

É o tudo por tudo numa liga que foi desde o início muito quente. As últimas duas jornadas esperam-se muito disputadas e nada é certo numa competição onde todos lutam por algum objetivo. Fazem-se contas à vida e ainda nada ou quase nada está decidido. É uma luta a ferro e fogo na Primeira Liga Portuguesa. 

Na próxima temporada Gil Vicente, Paços de Ferreira e Famalicão, que regressa à elite do futebol português 25 anos depois, juntar-se-ão às 15 equipas que se manterão para abrilhantar ainda mais o futebol português. 

Priscila

Priscila

noticias 1,318 RANK 7
LEITURAS 5M RANK 7
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook