noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Atlético de Madrid tira mais dois pontos do Barcelona

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 6,342

Pin Empate com o Atlético de Madrid dificulta o Barcelona na luta pelo título. EFE/JuanJo Martín/Arquivo
Empate com o Atlético de Madrid dificulta o Barcelona na luta pelo título. EFE/JuanJo Martín/Arquivo

Atlético de Madrid tira mais dois pontos do Barcelona

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 6,342

Barcelona e Atlético de Madrid empataram por 2 a 2 em partida com três pênaltis - um deles convertido por Lionel Messi em seu 700º gol na carreira. Somando três empates seguidos, o time de um Quique Setién dá nova chance para o Real Madrid se distanciar na liderança.

O duelo levou ao Camp Nou o segundo colocado em busca da retomada da liderança contra o terceiro, que chegou tentando confirmar sua vaga para a Champions League. Apesar da segunda posição, Quique Setién iniciou a partida pressionado por dois empates seguidos e escolheu uma escalação mais conservadora

A partida começou muito movimentada, com Suárez e Carrasco finalizando ainda nos primeiros 10 minutos. Em seguida, logo aos 11, o placar já seria aberto.

Em cobrança fechada de escanteio de Messi pela direita, Diego Costa tentou afastar e fez a bola passar desviando entre suas pernas. O hispano-brasileiro voltaria a ser destaque negativo.

Com 14 minutos no cronômetro, o juiz marcou penalidade máxima de Vidal sobre Carrasco e Costa teve a chance de se redimir ao encarar Ter Stegen, mas o goleiro saltou para o lado correto. A comemoração do time da casa, no entanto, foi cancelada pelo VAR.

A arbitragem por vídeo flagrou um passo adiante do alemão e o pênalti foi cobrado novamente. Saúl Ñíguez foi para a batida e empatou com chute no seu lado direito, canto oposto ao escolhido por Ter Stegen.

Messi foi o único a tentar ampliar o placar no restante do primeiro tempo, mas sua hora de brilhar viria após o intervalo. Os 45 minutos iniciais acabaram com grande vantagem na posse de bola para os anfitriões, que tiveram mais que o dobro de finalizações do Atlético.

A segunda etapa teve um momento histórico quatro minutos após a bola voltar a rolar. Uma penalidade máxima foi marcada para o Barcelona quando o juiz viu toque de Felipe em Semedo, fazendo o português cair dentro da área. 

O capitão argentino cobrou com cavadinha no meio do gol, enquanto Oblak caiu para a esquerda. Foi a 700ª vez na carreira que Lionel Messi balançou redes adversárias.

Assim como no primeiro tempo, o segundo começou com alto ritmo e teve empate dos visitantes em cobrança de pênalti. Semedo foi quem derrubou Carrasco dentro da área.

O Atlético de Madrid igualou o placar novamente com Saúl, que bateu rasteiro no seu canto direito. Ter Stegen tocou na bola, mas ela acabou no fundo das redes.

O Barcelona seguiu dominando a posse de bola até o minuto final e insistiu em bolas aéreas. As tentativas de Vidal (três vezes), Ansu Fati e Busquets não foram suficientes para dar uma vitória aos anfitriões.

Sem ter a bola nos pés, o visitantes trataram de evitar a derrota e chegaram poucas vezes, sem levar muito perigo ao goleiro adversário.

Com o resultado, o time de Setién fica com 70 pontos, um a menos em relação ao Real Madrid, que pode abrir quatro de vantagem caso derrote o Getafe na quinta-feira. A equipe de Simeone soma 59 pontos e segue ocupando a terceira posição.

Na próxima sexta-feira, o Atlético de Madrid recebe o Real Mallorca. O Barcelona volta a campo no domingo, quando visita o Villarreal.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 51K RANK 1
LEITURAS 143M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook