noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Atlético-GO vai usar atletas que testaram positivo para Covid-19 contra o Flamengo? Entenda a situação

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 253

Pin Atlético-GO vai usar atletas que testaram positivo. Goal
Atlético-GO vai usar atletas que testaram positivo. Goal

Atlético-GO vai usar atletas que testaram positivo para Covid-19 contra o Flamengo? Entenda a situação

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 253

Depois de muita indefinição, equipe acabou confirmando dois desfalques de atletas contaminados na partida desta quarta-feira

Depois de indefinições e de certa polêmica, o Atlético-GO confirmou que dois jogadores estão fora da partida desta quarta-feira, contra o Flamengo, em Goiânia, por estarem contaminados com o novo coronavírus.

Os testes do meia Matheuzinho e do atacante Júnior Brandão, que deveriam ser titulares no duelo das 20h30 (de Brasília), deram positivo e o clube decidiu não escalá-los - a diretoria vai tentar a liberação da dupla para a rodada seguinte.

O resultado dos novos testes aos quais o elenco foi submetido só saiu na noite de quarta, a poucas horas da partida, o que impediu que a equipe tentasse um novo recurso que liberasse os atletas.

Entenda a situação

Na noite de terça-feira, o Atlético-GO foi autorizado a aproveitar quatro atletas que testaram positivo para a Covid-19 no duelo contra o Flamengo. O clube goianiense conseguiu uma liberação da CBF após um recurso do Dragão junto à entidade.

De acordo com o Atlético-GO, os quatro jogadores que apresentaram resultados positivos para o coronavírus estão em reta final de contaminação. Ou seja, eles já cumpriram o protocolo de quarentena e "não têm mais o potencial de transmissão da doença".

Contestando os resultados dos exames  a comissão médica da CBF acatou o recurso do clube e liberou todos os atletas para o jogo contra o Flamengo. Os clubes rubro-negros se enfrentam nesta quarta-feira, 12 de agosto, às 20h30.

Ainda na terça, Walter Feldman, secretário-geral da CBF, informou os casos positivos do Atlético-GO em entrevista à Fox Sports. "Nós recebemos os resultados do (Hospital Albert) Einstein dizendo que quatro atletas do Atlético-GO, um da Chapecoense e um árbitro testaram positivo. Rapidamente as medidas estão sendo tomadas", afirmou. A identidade dos atletas e do árbitro não foram divulgadas na ocasião.

Porém, o próprio médico do clube goiano, Gleyder Sousa, recebeu a notícia com surpresa. Segundo o médico rubro-negro, Feldman noticiou os casos antes mesmo de o clube ter sido notificado.

O duelo de rubro-negros marcará a estreia do Atlético-GO no Brasileirão. O jogo contra o Corinthians, válido pela primeira rodada, foi adiado em função da final do Campeonato Paulista. Ainda na primeira rodada, o rival local do Atlético, o Goiás, teve sua partida contra o São Paulo adiada após dez casos de Covid-19 entre os jogadores.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 55K RANK 1
LEITURAS 152M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook