noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Bola de Ouro: Todos os vencedores de 2019 e da história

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 1,733

Pin Bola de Ouro: Todos os vencedores de 2019 e da história. AFP
Bola de Ouro: Todos os vencedores de 2019 e da história. AFP

Bola de Ouro: Todos os vencedores de 2019 e da história

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 1,733

Confira todos os vencedores do prêmio tradicional entregue pela revista France Football.

A 63ª edição do prêmio Bola de Ouro, que desde 1956 é entregue pela revista France Football, teve novidades e um recorde histórico: Lionel Messi recebeu pela sexta vez em sua carreira o galardão e tornou-se o único com seis troféus em sua prateleira.

Messi já havia recebido a Bola de Ouro em 2009, 2010, 2011, 2012 e 2015. Com o troféu de 2019, o argentino ultrapassou as cinco de Cristiano Ronaldo, que não compareceu à cerimônia de gala, e agora é o recordista absoluto.

No futebol feminino, a norte-americana Megan Rapinoe faz valer o favoritismo.

A grande novidade foi a entrega do prêmio Yashin, para o melhor goleiro, e o escolhido foi Alisson, do Liverpool e seleção brasileira.

O prêmio de melhor jovem foi para De Ligt. Confira, abaixo, todos os vencedores.

Bola de Ouro masculina

Assim como já havia acontecido na premiação do FIFA The Best, Lionel Messi, do Barcelona e seleção argentina, recebeu a sua sexta Bola de Ouro.

Bola de Ouro feminina

Campeã do mundo em 2019, a estadunidense Megan Rapinoe foi outra que unificou o The Best com a Bola de Ouro.

Prêmio Yashin

Alisson, do Liverpool e seleção brasileira, que já havia sido eleito melhor goleiro na premiação da FIFA, fez história ao receber a primeira edição do Prêmio Yashin.

Prêmio Kopa

 

O holandês Matthijs De Ligt, atualmente na Juventus mas que na temporada passada esteve no Ajax, recebeu o prêmio de melhor jogador sub-21 anos.

Confira também, a lista atualizada de todos os vencedores do prêmio Bola de Ouro da France Football desde sua criação até a data de hoje:

 

2019 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)

2018 – Luka Modric (Real Madrid/Croácia)

2017 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid/Portugal)

2016 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid/Portugal)

2015 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)

2014 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid/Portugal)

2013 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid/Portugal)

2012 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)

2011 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)

2010 – Lionel Messi (Barcelona /Argentina)

2009 – Lionel Messi (Barcelona/Argentina)

2008 – Cristiano Ronaldo (Manchester United/Portugal)

2007 – Kaká (Milan/Brasil)

2006 – Fabio Cannavaro (Juventus/Itália)

2005 – Ronaldinho (Barcelona/Brasil)

2004 – Andriy Shevchenko (Milan/Ucrânia)

2003 – Pavel Nedved (Juventus/Rep. Checa)

2002 – Ronaldo Nazário (Inter de Milão/Brasil)

2001 – Michael Owen (Liverpool/Inglaterra)

2000 – Luís Figo (Real Madrid/Portugal)

1999 – Rivaldo (Barcelona/Brasil)

1998 – Zinedine Zidane (Juventus/França)

1997 – Ronaldo Nazário (Inter de Milão/Brasil)

1996 – Mattias Sämmer (Borussia Dortmund/Alemanha)

1995 – George Weah (Milan/Libéria)

1994 – Hristo Stoichkov (Barcelona/Bulgária)

1993 – Roberto Baggio (Juventus/Itália)

1992 – Marco Van Basten (Milan/Holanda)

1991 – Jean-Pierre Papin (Marselha/França)

1990 – Lothar Matthäus (Inter de Milão/Alemanha)

1989 – Marco Van Basten (Milan/Holanda)

1988 – Marco Van Basten (Milan/Holanda)

1987 – Ruud Gullit (Milan/Holanda)

1986 – Igor Belanov (Dínamo Kiev/URSS)

1985 – Michel Platini (Juventus/França)

1984 – Michel Platini (Juventus/França)

1983 – Michel Platini (Juventus/França)

1982 – Paolo Rossi (Juventus/Itália)

1981 – Karl-Heinz Rummenigge (Bayern Munique/Alemanha)

1980 – Karl-Heinz Rummenigge (Bayern Munique/Alemanha)

1979 – Kevin Keegan (Hamburgo/Inglaterra)

1978 – Kevin Keegan (Hamburgo/Inglaterra)

1977 – Allan Simonsen (B. Moenchengladbach/Dinamarca)

1976 – Franz Beckenbauer (Bayern Munique/Alemanha)

1975 – Oleg Blockhine (Dínamo Kiev/URSS)

1974 – Johann Cruijff (Barcelona/Holanda)

1973 – Johann Cruijff (Barcelona/Holanda)

1972 – Franz Beckenbauer (Bayern Munique/Alemanha)

1971 – Johann Cruijff (Ajax/Holanda)

1970 – Gerd Müller (Bayern Munique/Alemanha)

1969 – Gianni Rivera (Milan/Itália)

1968 – George Best (Manchester United/Inglaterra)

1967 – Florian Albert (Ferencváros/Hungria)

1966 – Bobby Charlton (Manchester United/Inglaterra)

1965 – Eusébio (Benfica/Portugal)

1964 – Dennis Law (Manchester United/Escócia)

1963 – Lev Iashin (D. Moscovo/URSS)

1962 – Josef Masopust (Dukla Praga/Checoslováquia)

1961 – Omar Sivori (Itália/Juventus)

1960 – Luis Suárez (Barcelona/Espanha)

1959 – Alfredo Di Stéfano (Real Madrid/Espanha)

1958 – Raymond Kopa (Real Madrid/França)

1957 – Alfredo Di Stéfano (Real Madrid/Espanha)

1956 – Stanley Matthews (Blackpool/Inglaterra)

BeSoccer

BeSoccer

noticias 38K RANK 1
LEITURAS 120M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook