noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Brasil tem 51% de chances de ganhar a Copa América segundo estudo

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 505

Pin Brasil tem 51% de chances de ganhar a Copa América segundo estudo. EFE
Brasil tem 51% de chances de ganhar a Copa América segundo estudo. EFE

Brasil tem 51% de chances de ganhar a Copa América segundo estudo

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 505

Além de ser um dos grandes favoritos para o título da Copa América, o Brasil é o anfitrião da edição deste ano, que começa na próxima sexta-feira (14). Esse favoritismo é de 51% segundo um estudo matemático que leva em conto os resultados dos competidores nos últimos quatro anos.

Após o Brasil, as seleções citadas com mais possibilidades de ser campeãs são Uruguai, com 12%, Colômbia (11%), Argentina (9%) e Chile (5%). O estudo foi feito pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), instituição brasileira de pesquisa.

As seleções com menos chances, segundo o levantamento, são Japão (2%), Equador (1%), Venezuela (1%), Paraguai (1%), Catar (1%) e Bolívia (0%).

Conforme a FGV, o Brasil, que sempre ganhou a competição como anfitrião, tem 99% de probabilidade de avançar para as quartas de final, 82% de chegar às semifinais e 66% de alcançar a final do dia 7 de julho no Marcanã. A 'Canarinha forma o grupo A com Bolívia, Venezuela e Peru.

O Uruguai, no grupo C com Chile, Equador e Japão tem 86% de chances de estar nas quartas, 50% para as semifinais e 30% de chegar à final.

A Colômbia divide o grupo A com Argentina, Paraguai e Catar, com 88% de passar pela primeira fase, 51% de chegar à penúltima partida e 25% de jogar no encerramento da competição.

Além de levar em consideração os resultados dos últimos quatro anos, o estudo levou em consideração 200 as seleções masculinas inscritas na FIFA e dá mais importância para os desempenhos mais recentes.

Segundo Moacyr Silva, coordenador do projeto, são levadas em conta outras estatísticas além de vitórias, empates e derrotas. "Ganhar ou perder não são fatores decisivos porque tudo depende do adversário. Ganhar de uma equipe mais fraca pode ter peso igual que um empate contra uma potência futebolística", explicou.

Para aperfeiçoar as projeções, os pesquisadores, com base em estatísticas, atribuíram notas para ataque e defesa das equipes e calcularam inclusive os prováveis resultados de cada confronto da primeira fase.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 34K RANK 1
LEITURAS 113M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook