noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Como Drogba 'salvou' espião de Dunga na Copa?

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 456

Pin Marcelo Cabo, consagrado na base do Brasil, espiava a Costa do Marfim. AFP
Marcelo Cabo, consagrado na base do Brasil, espiava a Costa do Marfim. AFP

Como Drogba 'salvou' espião de Dunga na Copa?

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 456

Hoje, Marcelo Cabo é um nome consagrado nas divisões inferiores do futebol brasileiro, mas o treinador já passou por perrengues na seleção brasileira.

Pouca gente sabe, mas Marcelo Cabo, hoje treinador do CRB, com vasta experiência na Série B do Brasileirão, passou duas Copas do Mundo como assistente na Seleção Brasileira. Em 2010, na África do Sul, inclusive, fingiu ser turista para roubar informações da Costa do Marfim e foi salvo por Didier Drogba.

A história começa com Dunga e Jorginho, técnico e auxiliar da seleção canarinho naquele ano. Buscando uma vantagem competitiva sobre a Costa do Marfim, adversária do Brasil na segunda rodada da fase de grupos, o comandante da equipe colocou Cabo, trabalhando de observador, para espionar os treinos dos Elefantes.

E não foi fácil: o então analista brasileiro teve que passar por perrengues para não ser notado pelos seguranças, fingindo ser turista e jornalista para fazer seus relatórios.

No final, parece ter dado certo: o Brasil venceu a Costa do Marfim por 3 a 1, com gols de Luís Fabiano (2) e Elano. Drogba ainda diminiu para os Elefantes, mas não impediu a vitória da seleção, que se classificou antecipadamente para as oitavas de final. Tudo graças aos esforços de Marcelo Cabo...será?

 

 

 

"Eu tinha que ter cuidado, não podia ser notado. Para ver o treino da Costa do Marfim, por exemplo, eu fingi ser um turista e levei uma máquina fotográfica", declarou o atual treinador do CRB, que também teve que "tietar" uma das estrelas africanas da Copa para não atrair suspeitas. "Quando o ônibus chegou eu até tirei uma foto com o Drogba. Fiz tudo para não ser identificado como o 'espião'.

Mesmo assim, dentro do estádio, atraiu olhares. Foi aí que Marcelo Cabo, jornalista, ganhou proeminência.  “Às vezes me perguntavam sobre o que eu estava anotando durante os treinos que ia observar, eu falava que era jornalista no Brasil e estava trabalhando. Eu ficava próximo das tribunas da imprensa. Após as atividades, eu fazia um relatório e passava ao Dunga”, explicou.

No CRB, vem tendo sucesso. Assumiu o time na oitava colocação da Série B, na 29ª rodada, e terminou a temporada com quatro vitórias, quatro empates e duas derrotas. De contrato renovado, em 2020, a equipe está em segundo lugar, no campeonato estadual, e na sexta posição do Grupo A da Copa do Nordeste.

 

BeSoccer

BeSoccer

noticias 50K RANK 1
LEITURAS 142M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook