noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

"Contra o Bayern em jogo único, tudo é possível... "

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 6,736

Pin Suárez falou após conquistar a vaga nas quartas. Captura/MovistarLigadeCampeones
Suárez falou após conquistar a vaga nas quartas. Captura/MovistarLigadeCampeones

"Contra o Bayern em jogo único, tudo é possível... "

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 6,736

Luis Suárez falou após o jogo contra o Napoli. "Avançamos felizes e satisfeitos com o grande primeiro tempo que fizemos", comentou o atacante uruguaio.

Apesar de a partida contra o Napoli ter acabado de terminar, a partida das quartas-de-final contra o Bayern de Munique já estava na cabeça de todos. Para Luis Suárez, será pura emoção.

“Qualquer um tem 50% de chances em jogo único. O Bayern é um grande rival, um dos candidatos, assim como nós, das oito equipas que estarão em Lisboa. É preciso jogar os jogos, são onze contra onze em 90 minutos, 120, para ver qual time faz melhor e avança para as semifinais", foi sua análise antes de tal partida.

Sobre o jogo contra o Napoli, a avaliação geral do uruguaio foi positiva para a conquista da qualificação: “Era o que queríamos, estávamos nos preparando para esta partida há duas semanas contra um adversário que dificultou as coisas para nós na partida de ida, também desta vez um pouco. O importante é que aconteceu. Agora, aproveitar esses dias de descanso para pensar no próximo rival”.

Luis Suárez não se surpreendeu com as dificuldades do Napoli. “Sabíamos da dificuldade do rival, que gera muitas ocasiões no seu campeonato, sabíamos que iam criar alguma dificuldade. Aproveitamos o resultado desde o início, mas eles não converteram. A sorte é que agimos primeiro, porque para marcar um gol de visitante sempre dói, isso gera incerteza. Mas acho que conduzimos bem o jogo", disse.

Algumas autocríticas também apareceram quando se falava do fraco segundo tempo do Barça: “À medida que os minutos vão passando, a equipe vai gerando oportunidades. Conseguimos 3-0, depois veio 3-1 que gerou alguma cautela, mas na segunda parte, sabíamos o que tínhamos que fazer, que eles iriam nos pressionar mais. Nos deu tranquilidade comandar o jogo em alguns momentos da segunda parte. Acho que o que tínhamos que pensar era seguir em frente. Sabíamos que eles iriam empurrar, que iríamos ter poucos espaços. Não criamos muitas oportunidades, mas saímos felizes e satisfeitos com a excelente primeira parte que fizemos, que é o que queríamos".

BeSoccer

BeSoccer

noticias 55K RANK 1
LEITURAS 152M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook