noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo App Huawei

De Zidane a Florentino: os culpados pela crise do Real Madrid

BeSoccer por BeSoccer @besoccerPT - 0 4,557

Pin Real Madrid corre risco de ser eliminado na Champions League e está longe dos líderes em LaLiga. AFP
Real Madrid corre risco de ser eliminado na Champions League e está longe dos líderes em LaLiga. AFP

De Zidane a Florentino: os culpados pela crise do Real Madrid

BeSoccer por BeSoccer @besoccerPT - 0 4,557

Com derrotas na Liga dos Campeões, início da temporada 2020/21 está sendo um pesadelo para o clube merengue, e cada um carrega sua parcela de culpa.

Correndo risco de ser eliminado na fase de grupos da Liga dos Campeões e longe dos líderes em LaLiga, o Real Madrid vive uma das maiores crises de sua história recente. É claro que Zidane, comandante da equipe, é um dos grandes acusados pelo atual momento do time, mas a lista de culpados ainda conta com o presidente Florentino Pérez e diversos jogadores do elenco, que não apresentam um bom futebol há muito tempo.

Com apenas cinco vitórias em dez partidas em LaLiga, o Real ocupa a quarta colocação no Campeonato Espanhol, sete pontos atrás da Real Sociedad, que lidera a competição. E nem mesmo em sua competição favorita, a Liga dos Campeões, o clube se encontra em boa situação. Após mais uma derrota para o Shakhtar Donetsk, só a vitória interessa na última rodada para Los Blancos garantirem uma vaga nas oitavas de final.

A partir disso, vários personagens têm sua parcela de culpa - uns mais do que outros, é verdade. De Zidane a Florentino Pérez, veja quem são os principais responsáveis pelo momento delicado que vive o Real Madrid na atual temporada.

Zidane e as más atuações da equipe

Comandante do time, Zidane é certamente o grande responsável pelo que acontece dentro de campo - e o Real Madrid ainda não conseguiu apresentar boas atuações nesta temporada. Portanto, é natural que o treinador francês seja um dos mais cobrados pelo atual momento da equipe. 

Após a derrota para o Shakhtar, nesta terça-feira (1), Zidane chegou a dizer que o time fez um bom jogo e irritou profundamente os torcedores. Uma imagem que antecede o primeiro gol dos ucranianos, em que cinco jogadores do Real estão ocupando o mesmo espaço dentro de campo, ilustra bem isso.

Apesar da pressão, o francês afirmou que não irá pedir demissão, enquanto na Espanha especula-se que Mauricio Pochettino já é analisado como um possível substituto para Zizou.

Florentino Pérez e a montagem do elenco

Presidente do Real Madrid, Florentino Pérez é muito questionado pela montagem do elenco merengue. Desde a venda de Cristiano Ronaldo, constantemente criticada pela torcida, o clube ainda não encontrou um substituto à altura para o português. 

Além disso, os milhões e milhões de euros gastos nas contratações de Hazard, Jovic, Vini Jr. e Rodrygo não surtiram o efeito desejado. 

O drama sem fim de Hazard 

Contratado para substituir CR7, Hazard vive um pesadelo sem fim na Espanha. Mesmo em sua segunda temporada no clube, o craque do Chelsea ainda não foi visto no Real e acumula mais minutos no departamento médico do que dentro de campo. Como se isso não bastasse, o dinheiro investido no belga fez com que o clube não contratasse outras estrelas e aumenta ainda mais os questionamentos sobre o presidente Florentino Pérez.

Marcelo, Varane e Isco

Mas não é só Hazard que vive seu drama particular. Um dos nomes mais importantes do clube na última década, Marcelo também vive um drama particular no Real. Com problemas defensivos e sem o mesmo poder no ataque, o brasileiro está bem atrás de Mendy, hoje titular da posição. 

Varane é outra estrela do time longe de seus melhores dias. Com falhas constantes, o zagueiro não mostra a mesma confiança dos anos anteriores, principalmente quando Sérgio Ramos não está ao seu lado. O mesmo pode ser dito sobre Isco, antes utilizado como uma espécie de curinga por Zidane, mas que não apresenta um bom futebol há muito tempo.

Asensio, Jovic e Vini Jr. 

Por fim, alguns jovens do elenco também estão sendo muito criticados na Espanha. Apesar da enorme expectativa após sua contratação, Vini Jr. está longe de entregar o que era esperado. Com relação a Jovic, a situação é pior ainda. O sérvio pouco atua e coleciona polêmicas desde sua chegada ao Real, sendo uma das grandes decepções do clube, tanto dentro quanto fora de campo.

Asensio também vem sendo pouco utilizado e quando joga decepciona. Sua melhor versão ainda não foi vista desde que ele se recuperou de uma grave lesão sofrida em 2019 - em 747 minutos nesta temporada, ele ainda não marcou nenhum gol e nem deu nenhuma assistência. 

BeSoccer

BeSoccer

noticias 61K RANK 1
LEITURAS 163M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook