noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Di María diz que rasgou carta do Real que pedia que não jogasse final da Copa

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 +10k

Pin Di María diz que rasgou carta do Real que pedia que não jogasse final da Copa. AFP
Di María diz que rasgou carta do Real que pedia que não jogasse final da Copa. AFP

Di María diz que rasgou carta do Real que pedia que não jogasse final da Copa

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 +10k

Argentino contou o drama que viveu antes de ser confirmado como desfalque contra a Alemanha em 2014

O meia-atacante Angel Di María disse que rasgou uma carta que o Real Madrid enviou às vésperas da final da Copa do Mundo de 2014 entre Argentina e Alemanha. Ele sabia que se tratava de um pedido do seu antigo clube para que não entrasse em campo no Maracanã por temer que o problema se agravasse.

"Eu sabia que o Real Madrid queria me vender, e a carta chegou. Daniel (Martínez, médico da seleção sul-americana) me disse que era do Real Madrid, mas eu nem queria olhar e rasguei", contou o jogador do Paris Saint-Germain em entrevista à emissora argentina Telefe. 

Di María havia machucado a coxa nas quartas de final contra a Bélgica e ficou de fora da semifinal contra a Holanda. Na entrevista, ele relembrou o drama que viveu até ser confirmado como desfalque também na grande decisão do Mundial.

"As três pessoas que sabem a verdade são o doutor Daniel Martínez, Alejandro Sabella (técnico) e eu. Vinha com algumas dores desde o jogo com a Bélgica, estava quase pronto, a uns 90%. A perna não estava boa, mas eu queria jogar, não me importava nada se voltasse ou não a jogar futebol. Era uma das coisas que me tinham dito que não poderia deixar passar: a final do Mundial. Era a minha final", afirmou. 

"Fui falar com Sabella e lhe disse chorando que não estava 100%. Eu sabia que ele gostava de mim e queria que jogasse, mas queria também o melhor para a equipe. Eu ia até tomar injeção porque queria tentar, mas depois da reunião decidiu-se finalmente que iria jogar Enzo Pérez no meu lugar", completou o meia-atacante.

Do banco de reservas, Di María viu a Argentina perder por 1 a 0 da Alemanha na prorrogação. De fato, no mês seguinte, o Real Madrid o negociou com o Manchester United por 75 milhões de euros. O jogador não fez sucesso na Inglaterra e desde 2015 está no PSG.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 48K RANK 1
LEITURAS 138M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook