noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

"Não devia era ter posto o Cristiano a jogar com o Manchester"

Priscila por Priscila @besoccer_es - 0 9,825

Pin Fernando Santos confessou que Cristiano Ronaldo já não o surpreende. AFP
Fernando Santos confessou que Cristiano Ronaldo já não o surpreende. AFP

"Não devia era ter posto o Cristiano a jogar com o Manchester"

Priscila por Priscila @besoccer_es - 0 9,825

Fernando Santos fez a habitual antevisão à final da Liga das Nações em que Portugal enfrenta a Holanda no Estádio do Dragão. O selecionador nacional garante que os seus jogadores estão preparados e que nem Ronaldo o consegue surpreender.

A Seleção Portuguesa conseguiu vencer a Suíça, na passada quarta-feira, com um hat-trick de Cristiano Ronaldo e conseguiu o passaporte para a final que se realiza este domingo e onde irá encontrar a Holanda. 

Ainda sobre o encontro da meia final, Fernando Santos foi questionado sobre o excelente nível que CR7 apresentou no encontro e se o hat-trick do craque o surpreendeu. O selecionador nacional garantiu que Cristiano já não o surpreende.

"Surpreendido nunca fico, fiquei quando ele foi meu jogador no Sporting. Não o devia era ter posto a jogar com o Manchester United, porque depois ele foi para lá e eu fiquei sem ele. Isso não me deu jeito nenhum. Ele tem objetivos muito focados e fortes, com muita determinação. Treina sempre no seu limite. Tem isso como ambição e objetivo. Não sendo muito comum, ele chegou aos 34 anos a marcar 50 golos por época e acho que vai continuar a fazê-lo", garantiu.

O selecionador nacional foi questionado sobre qual a filosofia que a equipa segue para conquistar esta competição, que apesar de ter sido recentemente criada, Fernando Santos já admitiu que a quer vencer. 

"Desde sempre que a nossa seleção tem como objetivo ganhar. E uma equipa que quer ganhar, precisa de fazer golos. Para além disso, também temos de ter um equilíbrio no jogo para não sermos surpreendidos pelo adversário. Temos de tirar proveito das coisas menos fortes do adversário", contou o treinador das quinas. 

A Holanda teve de disputar o prolongamento para conseguir vencer a Inglaterra e seguir em frente, mas Fernando Santos acredita que o esforço físico não terá influência na forma como os holandeses se apresentarão. 

"Teoricamente, obviamente que teria. Mas no plano prático acho que não. Disputar uma final é tão motivante que o cansaço vai desaparecer. Neste momento da época, todos os jogadores já estão numa fase de cansaço", garantiu. 

Sobre o facto de Portugal jogar em casa, uma vez que o encontro será no Dragão, Fernando Santos garante que não há pressão adicional mas sim apoio. "Pressão não. São jogadores que disputam fases finais de grandes competições. Tivemos uma meia-final, vamos ter amanhã uma final... Jogar em casa é poder contar com o apoio do nosso público. E isso é motivador. Jogadores com essa qualidade é motivante", garantiu o luso. 

Fernando Santos fugiu ainda há questão da estratégia uma vez que considera que não pode revelar tudo do encontro deste domingo e lamentou a ausência de Pepe, que fraturou a omoplata no encontro frente a Suíça, mas garantiu que confia em todos os jogadores. 

Priscila

Priscila

noticias 1,318 RANK 7
LEITURAS 5M RANK 7
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook