noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

E quase acontece outro 7 a 1 alemão

Pin Gnabry é o nome do jogo. FCBayern
Gnabry é o nome do jogo. FCBayern

E quase acontece outro 7 a 1 alemão

Dilson Cassaro por Dilson Cassaro @besoccer_es - 0 1,587

Gnabry Gnabry Gnabry Gnabry. Da goleada por 7 a 2 pra cima do Tottenham, quatro gols foram de Gnabry, A segunda rodada da Champions League pegou fogo em Londres.

O placar mais elástico dessa Champions League até o momento aconteceu em Londres. Aconteceu de forma fulminante em um jogo com pressão do Tottenham desde o começo, apertando em cada saída de bola. O time da casa saiu na frente com gol de Son Heung-Min. Mas rapidamente a noite ficou vermelha. Muito vermelha.

Ainda no primeiro tempo, o gol de Son aos 12 minutos foi apagado pelo gol de Kimmich (que pega sobra de bola chutada por Lewandowski e solta uma bomba de fora da área no cantinho do gol de Lloris) e pelo gol de Lewandowski no finzinho do primeiro tempo após um bate-rebate na área, onde a bola sobra na meia-lua, o craque domina, vira e chuta no canto. O Bayern vai pro vestiário na frente no placar.

 

 

 

O 2º tempo mostrou um Tottenham apreensivo, errando passes e aos 15 segundos Harry Kane faz falta e recebe cartão amarelo após cotovelada em Tolisso. O time da casa estava visivelmente abalado

A estrela de Gnabry começou a brilhar aos 7 minutos do segundo tempo, com jogada individual se livrando de jogadores como se fosse algo muito simples, chegando até a marca do pênalti e soltando um foguete no canto do gol de Lloris.

dois minutos depois o alemão mostrou que ainda tinha muito gol pra fazer naquela noite. Um passe errado do Tottenham na saída de jogo deixa a bola nos pés de Tolisso, que toca pra Gnabry e chuta forte. Outro foguete. Outro gol no canto do gol de Lloris. Parecia um replay mas, infelizmente para o time da casa, não foi. 

Aos 58 minutos o Tottenham diminui em pênalti que causou polêmica por parecer mais uma falta de ataque. A bola chegou alta na área do Bayern, Coman ia dominar e Rose chega com o pé alto, cai e o pênalti é marcado. A jogada parecia claramente jogo perigoso de Rose, mas o juiz recorreu ao VAR e decidiu marcar pênalti. Kane bate com maestria e Neuer, apesar de acertar o canto, não consegue chegar na bola. Foi o segundo e último gol do Tottenham no jogo.

Um dos gols mais bonitos dessa Champions saiu dos pés de Thiago, que entrou no começo do 2º tempo no lugar de Alaba e faz um incrível lançamento em profundidade quase da área do Bayern e Gnabry domina com perfeição perto da grande área, ficando cara a cara com o goleiro e chutando forte outra vez. Lloris fica cada vez mais triste e a torcida não tem outra opção do que começar a deixar o estádio.

No minuto 86, para variar um pouco a sequência de gols, é a vez de Lewandowski voltar a marcar. Coutinho (que teve uma atuação apagada no jogo inteiro) chegou na área, dominou com tranquilidade e tocou para Lewandowski, que tocou com ainda mais tranquilidade no canto do gol do Tottenham. O Bayern já não sabia mais como fazer gol. 

E apenas um minuto depois, Gnabry faz seu quarto e último gol, recebendo na meia-lua e, como era de se esperar, chutando forte outra vez no canto.

Vale destacar a incrível atuação do goleiro Neuer que, se não fosse por ele, o placar não seria tão elástico assim. A muralha alemã funciona novamente e mostrou que um time afiado no gol e no ataque é sempre garantia de espetáculo.

O destaque negativo vai para Ndombele, do Tottenham, com transições lentas e ruins, proporcionando perigosos contra-ataques. O festival de passes errados do time da casa mostrou toda a pressão sentida por receber a visita desse trator vermelho. Um chocolate alemão. Quase outro 7 a 1 vindo da Alemanha.

 

 

Dilson Cassaro

Dilson Cassaro

noticias 74 RANK 13
LEITURAS 253K RANK 13
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook