noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Entenda por que Kobe Bryant torcia para o Milan

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 1,699

Pin Entenda por que Kobe Bryant torcia para o Milan. Goal
Entenda por que Kobe Bryant torcia para o Milan. Goal

Entenda por que Kobe Bryant torcia para o Milan

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 1,699

O astro da NBA será homenageado no jogo dos Rossoneri contra o Torino, pela Coppa Italia

O Milan foi um dos tantos clubes de futebol que expressou luto pelo falecimento de Kobe Bryant, ídolo do basquete mundial que sofreu um acidente fatal no último domingo (26). Mas foi além: nesta terça-feira (28), usará uma braçadeira preta em memória do astro no duelo contra o Torino, pela Coppa Italia. Outras homenagens também já estão marcadas para o estádio de San Siro.

A motivação do Milan provavelmente seja maior na comparação com outras entidades futebolísticas, exceção feita aos dois clubes de Los Angeles (Galaxy e LAFC), cidade onde Kobe se imortalizou defendendo a camisa dos Lakers na NBA. Isso porque Kobe Bryant nunca escondeu ser torcedor dos Rossoneri.

A paixão não tem motivos mercadológicos, como tem sido cada vez mais comum no esporte mundial – com astros da NBA vestindo camisas de futebol e vice-versa. Kobe se apaixonou pelo maior Milan de todos os tempos justamente quando era uma criança e vivia na Itália.

Seu pai, Joe Bryant, jogou basquete na Itália de 1984 a 1991. Ou seja: da infância até a pré-adolescência o pequeno Kobe testemunhou o nascimento do Milan treinado por Arrigo Sacchi, referência até os dias atuais e que, no período em que a família Bryant esteve no “País da Bota”, conquistou uma Serie A e duas Ligas dos Campeões.

“Eu sou torcedor do Milan desde que era um menino”, afirmou, em italiano, durante uma visita feita ao CT de Milanello, onde o Rubro-Negro treina. “Quando eu era novo, assisti a Gullit, Rijkaard, Van Basten e Maldini e era como um sonho se realizando. O Milan sempre foi meu time favorito”.

A relação com os Rossoneri não ficou restrita, como visto acima, ao período em que morou na Itália. Já consagrado, Kobe Bryant inclusive não escondeu a felicidade quando Ronaldinho Gaúcho foi contratado pelo Milan, entre 2008 e 2010. Anos mais tarde, em visita ao Brasil, recebeu também uma camisa do Atlético-MG das mãos do craque brasileiro. Também no domingo, após marcar um gol na vitória do PSG sobre o Lille, Neymar homenageou o astro.

Ronaldinho foi uma das tantas personalidades do esporte que lamentou a tragédia que envolveu Kobe Bryant, que além de tudo era fã de futebol... e em especial do Milan, que faz questão de homenagear o seu torcedor.  

BeSoccer

BeSoccer

noticias 42K RANK 1
LEITURAS 130M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook