noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Jorge Jesus é mais absoluto no Brasileirão do que foi no Campeonato Português

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 514

Pin JJ é mais absoluto no Brasileirão do que foi no Portuguesão
JJ é mais absoluto no Brasileirão do que foi no Portuguesão

Jorge Jesus é mais absoluto no Brasileirão do que foi no Campeonato Português

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 514

No Flamengo, o treinador tem aproveitamento melhor em relação a todas as suas temporadas na primeira divisão de seu país

Após a vitória por 2 a 0 sobre o Fluminense, que deixou o Flamengo com dez pontos de vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro, Jorge Jesus fez uma boa análise sobre a dificuldade que é jogar em um país de dimensões continentais.

Como viu o seu futebol crescer através dos estaduais, o Brasil tem mais de uma dezena de times considerados "grandes". Foi inspirada na incipiente Copa dos Campeões da Europa (hoje, Liga dos Campeões), por exemplo, que nasceu a já extinta Taça Brasil: no primeiro torneio nacional do nosso país, jogavam apenas os campeões estaduais e os times que defendiam o título.

Ao longo das décadas, o equilíbrio visto nos Campeonatos Brasileiros sedimentou a impressão de que a nossa Série A seria a mais equilibrada na comparação com outros certames nacionais. Hoje, há quem questione esta sentença, mas é inegável que historicamente o Brasileirão teve uma variação maior de candidatos aos títulos do que outros dos principais torneios nacionais europeus.

Em Portugal, terra de Jorge Jesus, é algo inegável. Em 96 edições do Campeonato Português, somente cinco vezes o campeão não foi Benfica (37), Porto (32) ou Sporting (22). O Belenenses ficou com o título quatro vezes e o Boavista surpreendeu ao ficar com o caneco em 2001.

Jorge Jesus treinou Benfica e Sporting, dentre os três gigantes do país, e foi campeão luso em três ocasiões com o time vermelho de Lisboa. Ao comparar as diferenças de seu país com o Brasil, o treinador do Flamengo reconheceu, após a vitória no Fla-Flu, que se tivesse dez pontos de vantagem no Campeonato Português, já consideraria a conquista como garantida.

“Se fosse em Portugal, com 10 pontos de diferença, diria que somos campeões. Mas lá não há muitas equipes fortes para tirar pontos. Aqui há muitos times fortes, jogadores com muito talento, é muito mais difícil e, portanto, muito mais apaixonante”, afirmou.

A curiosidade é que a sua fala é mais uma de tantas evidências do trabalho espetacular que ele, JJ, faz no Flamengo. Afinal de contas, jamais em sua história em campeonatos de primeira divisão Jesus teve tamanho aproveitamento de pontos conquistados.

Em 18 jogos de Brasileirão, Jorge Jesus acumulou 15 vitórias, dois empates e apenas uma derrota com o Flamengo. Na média, soma 2.61 pontos por jogo. Os melhores desempenhos anteriores haviam sido pelo Benfica 2009-10 e Sporting 2015-16, quando a média era 2.53.

No campeonato nacional que mais exalta, Jorge Jesus tem aproveitamento superior ao que jamais teve em sua carreira. Mesmo na comparação ao Português, onde com a vantagem que possui atualmente já estaria comemorando o título.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 36K RANK 1
LEITURAS 117M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook