noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

"Liguei para minha esposa porque não sabia se eu voltaria para casa"

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 1,001

Pin Jérémy Mathieu explicou tudo o que aconteceu. Twitter/Sporting_CP
Jérémy Mathieu explicou tudo o que aconteceu. Twitter/Sporting_CP

"Liguei para minha esposa porque não sabia se eu voltaria para casa"

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 1,001

Jérémy Mathieu, zagueiro do Sporting CP, testemunhou sobre o ataque de uma parte radical da torcida aos jogadores da equipe em 2018. Suas declarações foram muito duras e ele chegou a dizer que temia por sua vida.

Em maio de 2018, uma parte descontente da torcida apareceu no centro de treinamento do conjunto, descontentes com sua atuação e golpearam alguns jogadores. Um deles foi o ex-jogador do Barcelona.

"Nunca esquecerei o medo que senti. Liguei imediatamente para minha esposa porque não sabia se eu voltaria para casa. No fim das partidas ainda lembro desse epísódio tão forte. Não mudei minha rotina mas tenho medo de que volte a acontecer", confessou ao juiz por videoconferência.

"Acuña foi golpeado no rosto por duas ou três pessoas que estavam atrás dele, enquanto que Misic foi agredido com um cinto. Havia três pessoas na porta do vestiário evitando que os jogadores saíssem", prosseguiu, segundo os meios portugueses.

"Alguns tentaram entrar, estavam fora de controle. Não vi ninguém tratando de sair. Todos ficaram ali, com medo", sentenciou. Os próximos a falarem em juízo são Acuña, Battaglia, Coates, Ristovski e Bruno Fernandes. Espera-se que tudo se esclareça o mais rápido possível.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 40K RANK 1
LEITURAS 126M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook