noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Real nadou, nadou e morreu na praia?

Pin Real sofre apagão e perde para o City nos 25 minutos finais. EFE
Real sofre apagão e perde para o City nos 25 minutos finais. EFE

Real nadou, nadou e morreu na praia?

O Real Madrid recebeu o Manchester City no Santiago Bernabéu pela ida das oitavas de final da Champions League. Os de Zidane até que fizeram uma boa partida nos primeiros 75 minutos, mas depois sofreram um apagão e acabaram derrotados em casa.

Real Madrid e Manchester City fizeram a partida mais esperada dessas oitavas de final da Champions. O gigante espanhol recebeu o milionário inglês e percebeu que não pode bobear na competição estrelada. 

Era um duelo complicado para as duas equipes. O Real Madrid jogava sem Hazard, lesionado, a poucos dias do clássico contra o Barcelona, vice-líder do Espanhol e sem uma figura de liderança em campo. Já o City entrava em campo sem chances de título na Premier e punido pela UEFA. 

Além disso, outro fator que agitava os bastidores era o encontro entre Zidane e Pep Guardiola, que trocaram muitos elogios nas prévias, mas na beira do gramado era estratégia contra estratégia. 

A bola rolou e os olhos dos fãs do futebol estavam voltados para o Bernabéu, mas não viram um bom início de partida. Muito estudo, poucas chances, ninguém queria se expor na primeira parte de um confronto de 180 minutos. 

O Real tinha mais a bola, tocava de lado e tentava alguma jogada em velocidade com Vinicius, já o City esperava o erro para ser mortal. E a primeira boa chance foi do clube inglês, De Bruyne tocou para Gabriel Jesus dentro da área, o brasileiro limpou a marcação de Varane e bateu firme, obrigando o goleiro belga do Real a fazer uma grande defesa!

Os donos da casa responderam rapidamente. Mendy cruzou, Benzema cabeceou para o chão e Ederson fez uma defesaça! No rebote, Vinicius não conseguiu chegar nela e o Real perde uma chance impressionante!

Mesmo jogando em casa o Real Madrid fazia um jogo bastante tímido, com poucas alternativas dentro de campo. Enquanto o City, sempre que partia ao ataque, levava perigo, a última do primeiro tempo também foi dos visitantes, quando De Bruyne cobrou o escanteio, Courtois saiu mal do gol e a bola ficou com Gabriel Jesus que bateu! Varane, Sergio Ramos e Valverde tiram em cima da linha!

No segundo tempo, mais uma chegada 'citizen' graças ao erro de Casemiro. De Bruyne puxou o contra-ataque e rolou para Mahrez, que limpou a marcação e mandou muito perto do gol de Courtois. 

Parecia que o gol do City estava perto de chegar, mas quem marcou primeiro foi o Real... assim é o futebol! Vinicius pressionou Walker e ficou com a bola! O brasileiro avançou e tocou de lado deixando Isco na boa para marcar! 

Depois do gol, o Real Madrid demonstrava ter a partida controlada, ditando o ritmo do encontro e sem correr riscos, até que sofreu um apagão e jogou todo o trabalho feito nos minutos anteriores pela janela. 

Aos 76', De Bruyne fez o cruzamento, Gabriel Jesus subiu e desviou de cabeça para as redes de Courtois, era o empate do City! Muita reclamação por parte do Real, Sergio Ramos disse que foi empurrado pelo atacante brasileiro e pedia falta, mas nem o árbitro e nem o VAR anularam o tento. 

Poucos minutos depois, Sterling invadiu a área e foi derrubado por Carvajal, pênalti claro a favor dos ingleses. De Bruyne foi para a cobrança com muita categoria, coloca a bola de um lado e o goleiro do outro. Vira-virou 'skyblue'. 

E só piorava para o Real Madrid, já na reta final Gabriel Jesus tomou a bola de Casemiro, partiu em velocidade em direção do gol e foi atropelado por Sergios Ramos na entrada da área, cartão vermelho para o capitão do madridista. 

O City conseguiu uma importante vitória fora de casa e leva uma vantagem gigantesca para a partida de volta no Etihad. E agora, será que o Real Madrid nadou, nadou e morreu na praia?

Agora o Real Madrid volta as suas atenções para o Campeonato Espanhol. Os 'merengues' enfrentam o Barcelona, Betis e Eibar antes de encarar a partida decisiva contra os ingleses. Já o City pega Arsenal, Aston Villa, Sheffield Wednesday, Manchester United e Burnley. As dois se enfrentam no dia 17 de março no Etihad por uma vaga nas quartas de final da Champions. 

Rafael Alexandre Coelho

Rafael Alexandre Coelho

noticias 515 RANK 9
LEITURAS 2M RANK 9
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook