noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

"Não tenho problemas com Griezmann. O treinador manda"

BeSoccer por BeSoccer @besoccerPT - 1 3,645

Pin Koeman falou em coletiva de imprensa antes de Getafe x Barcelona. Captura/FCBarcelona
Koeman falou em coletiva de imprensa antes de Getafe x Barcelona. Captura/FCBarcelona

"Não tenho problemas com Griezmann. O treinador manda"

BeSoccer por BeSoccer @besoccerPT - 1 3,645

Ronald Koeman passou por coletiva de imprensa antes do jogo contra o Getafe. Ele falou sobre as queixas de Antoine Griezmann em relação a seu posicionamento em campo e disse que conversou com o jogador sobre isso. Ele também falou da má atuação de De Jong contra o Sevilla.

Ronald Koeman respondeu às polêmicas palavras de Griezmann na coletiva de imprensa antes do jogo contra o Getafe. Disse que falou com ele sobre a sua posição em campo e que deixou claro que é o técnico quem decide onde colocar cada um. Ele também falou sobre o baixo nível de De Jong contra o Sevilla.

“Todo mundo tem o direito de falar. Sabemos que esse tipo de coisa pode acontecer. Eu estava conversando com Antoine não pelo que ele falou. Conversamos sobre a posição dele e o desempenho do jogador. Eu disse que procuro o melhor para o time e, se eu achar que a posição dele é do lado direito com liberdade, porque ele não joga na ala, ele joga mais por dentro, e pode jogar como '10' e '9... no final eu decido o que é melhor para o time, e então cada jogador tem que tirar o máximo rendimento disso", disse ele.

Ele está fazendo o melhor que pode. Trabalhando duro, sendo muito disciplinado e tendo sorte nas suas qualidades ofensivas. Houve quatro ou cinco jogadas ofensivas nas quais ele teve que obter mais desempenho, mas se pode discutir muito mais sobre a posição dele. Quando eu  era treinador, no Holanda-França, ele jogou pela direita. Mais uma vez, não há necessidade de discutir esta questão. O treinador está no comando e o jogador tem de tirar o máximo proveito disso ", acrescentou.

E ele continuou: "Você não precisa falar muito sobre jogadores individualmente. Você não pode comparar nenhum jogador com outro. Para mim, não é um assunto. Pode ser muito mais para vocês. Não tenho problemas com Antoine. Meu trabalho é ter o máximo rendimento com cada um. Só posso jogar com onze. E um pode jogar como '9', outro como '7', outros dois como pivôs... Não coloco nenhum outro jogador que não seja em sua posição. Griezmann pode jogar no lado por dentro, ele é canhoto e pode ter alto desempenho. Não podemos acabar jogando com '10' jogadores na posição do '10'".

Perguntaram-lhe também, neste sentido, se teria feito o mesmo se fosse Messi, e ele respondeu: "Em princípio, queremos colocar em cada jogo a melhor equipe com a qual acho que podemos vencer. Em termos de seleções, sabemos que os grandes estão muito cansados. Esta tarde teremos o último treino. Todos voltaram ansiosos e vamos decidir a melhor equipe para amanhã”.

De passagem, analisou o seu estado físico: “Acho que ele pode jogar os próximos quatro jogos. Depende sempre do jogador. Com Leo, como com os outros, falo como estão e se estão cansados ​​e a gente decide como equipe. Leo leva muitos anos jogando com um calendário muito apertado. O Leo é um jogador que, se não joga, fica mais cansado. Ele é um vencedor que quer estar nos jogos. Se há um problema médico é outra coisa".

Messi em treino com o Barcelona

Outro jogador cujas circunstâncias preocupam é Dembélé. “O Dembélé tem muita qualidade. A única coisa que penso é que aos poucos vai ficando bem fisicamente. Algo saiu outro dia na imprensa sobre os treinos dele. Quem não jogou muito treinou na quinta e na sexta-feira passada. Como Dest , como o Konrad, como o Aleñá, os goleiros. Os únicos que fizeram quatro dias de festa foram o Piqué e eto porque jogaram todos os jogos. Ultimamente, pelo que tenho visto nos treinos, estou muito feliz”, disse o treinador. a ele.

Voltando ao desempenho em campo, ele teve que falar sobre De Jong: "No jogo contra o Sevilla, Frenkie não estava à altura do seu nível. Se há jogadores que são bastante autocríticos, Frenkie é um deles. Ele sabe perfeitamente quando está bem e quando esteve abaixo. Na Itália x Holanda, ele foi o melhor em campo. Todo jogador tem o direito de jogar um jogo ruim. Espero que ele se encontre no jogo e seja a melhor posição para ele. Não devemos esquecer que ele é um jogador muito jovem. Não me preocupa tanto".

BeSoccer

BeSoccer

noticias 57K RANK 1
LEITURAS 156M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook