noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

'Neymardependência'? Os desfalques do PSG contra a Atalanta

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 2,733

Pin Os desfalques do PSG contra a Atalanta. AFP
Os desfalques do PSG contra a Atalanta. AFP

'Neymardependência'? Os desfalques do PSG contra a Atalanta

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 2,733

O clube francês já perdeu vários atletas para a partida e deve ir desfalcado para Lisboa; Mbappé luta contra o tempo para se recuperar.

Se Neymar queria alcançar o protagonismo total quando foi para o PSG, pode acabar tendo o seu desejo realizado diante da Atalanta, nas quartas de final da Liga dos Campeões...de uma maneira inesperada: o jogador pode perder vários de seus principais companheiros suspensos ou por lesão.

A lista já é mais extensa do que o imaginado: Kylian Mbappé - discutivelmente o segundo melhor jogador da equipe - , lesionado na final da Copa da França, precisaria de um "milagre" para atuar em Lisboa; Ángel Di María, outro titular do ataque, está suspenso e não joga. Agora, Marco Verratti sentiu uma contusão na panturrilha durante os treinos e deve ficar de fora da partida.

Não são só três titulares: tratam-se de destaques e jogadores muito importantes no esquema de Thomas Tuchel. Em uma tacada só, o PSG pode enfrentar um adversário perigosíssimo sem vários de seus principais atletas...pelo menos é o que a Atalanta espera.

Segundo o L'Equipe, Kylian Mbappé não está longe de se recuperar da lesão no tornozelo que deve lhe tirar da equipe tirar nas quartas da Liga dos Campeões. Se tudo correr bem na recuperação - e os primeiros indícios são positivos -, o jogador pode até compor o banco de reservas contra os italianos e jogar alguns minutos. No último treino deste sábado (8), por exemplo, o atleta chegou a participar de atividades com bola.

O retorno de Mbappé seria fundamental para um PSG que parece sofrer sem o atacante: na final da Copa da Liga Francesa, por exemplo, o clube já pareceu completamente dependente de Neymar e Verratti para criar jogadas. Ambos fizeram boas partidas, mas não conseguiram furar a defesa do Lyon, vencendo só nos pênaltis. Isso, é claro, contando com Di María, outro que está fora da partida na Champions.

No confronto, Gueye e Icardi, dois jogadores que devem ganhar mais importância com as ausências - ainda que o primeiro já seja titular faz algum tempo -, não fizeram boas atuações. Pablo Sarabia, então, provável substituto de Di María, foi inoperante.

O que parecia um cenário de favoritismo vai cada vez ficando mais traiçoeiro para o PSG: o time vai perdendo seus craques e enfrentará uma Atalanta "mortal", longe de sua torcida. Situação propícia, no entanto, para que um astro como Neymar assuma a responsabilidade.

Normalmente brilhante em jogos grandes, o brasileiro terá mais uma oportunidade de calar seus críticos: se nas últimas temporadas o clube francês foi eliminado justamente sem a presença de Neymar, lesionado nos mata-matas da Liga dos Campeões, agora Thomas Tuchel se vê em uma situação onde o resto do time desmoronou ao redor de seu principal destaque.

É claro: o futebol é imprevisível e heróis improváveis sempre fazem parte da história do esporte. Entretanto, com uma Atalanta muito bem organizada e um PSG que parece ser a próxima vítima da "Neymardependência" - sem que o brasileiro tenha nenhuma culpa -, é bem possível que o craque finalmente tenha a chance de fazer algo que, mais "adulto", já tinha desistido de tentar: ganhar "sozinho".

BeSoccer

BeSoccer

noticias 55K RANK 1
LEITURAS 152M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook