noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

No aperto, campeões do mundo vencem a valente Moldávia

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 488

Pin No aperto, campeões do mundo vencem a valente Moldávia. AFP
No aperto, campeões do mundo vencem a valente Moldávia. AFP

No aperto, campeões do mundo vencem a valente Moldávia

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 488

A França teve trabalho para vencer a Moldávia na 9º rodada das Eliminatórias para Eurocopa 2020. O time de Deschamps começou perdendo, mas conseguiu a virada com Varane e Giroud.

Campeões do mundo, retorno de Mbappé, torcida em lua de mel com a equipe, briga pela liderança do grupo, todos os prognósticos apontavam para um verdadeiro massacre da França para cima da Moldávia... mas não foi isso que aconteceu. 

O pequeno país do Leste Europeu e antiga república soviética, que faz fronteira com Ucrânia e Romênia, entrou em campo com o objetivo de cair com honra nas Eliminatórias. 

E logo aos sete minutos abriu o placar em um lendário Stade de France lotado. Vadim Rata aproveitou um erro bizarro de Clement Lenglet para colocar a Moldávia na frente. O zagueiro do Barça se complicou todo em uma bola pelo alto que ele queria recuar para Mandanda. Melhor para o atacante da equipe visitante, que foi mais esperto, ganhou a posição do francês e soltou o pé para estufar as redes. 

Depois disso, só deu França. O time da casa pressionou muito, enquanto os visitantes se defendiam a todo custo. Giroud, sempre ele, cansou de perder gols dentro da área e os 'blues' não encontravam o resultado. 

Até que aos 35 minutos saiu o gol de empate, no sufoco e cheio de polêmica. Griezmann cobrou a falta e levantou a bola na área, Giroud trombou com o goleiro e a bola sobrou para Varane cabecear para as redes. Os jogadores da Moldávia pediam falta de ataque, mas o árbitro confirmou o gol. É bom lembrar que não há VAR nas Eliminatórias. 

Enfim, o primeiro tempo foi complicado para a França. O time de Deschamps dominava completamente as iniciativas da partida, mas não conseguiu definir o resultado. 

Na segunda etapa o time francês se lançou ainda mais ao ataque. Jardan se jogou na direção de uma bola chutada por Mbappé e salvou a Moldávia da virada. Mas foi por pouco tempo. 

Aos 76', Pasmac deu um carrinho desproporcional dentro da área e derrubou Digne, pênalti. E adivinha quem foi para a bola? Sim, ele mesmo... Olivier Giroud. Com muita categoria o grandalhão tirou do goleiro e garantiu a virada francesa. 

Com a vitória o tima de Didier Deschamps assumiu a primeira posição do Grupo H, com 22 pontos, dois a mais que a Turquia. Já a Moldávia, que jogava só para cumprir tabela, continua com 3 na lanterna do grupo. 

Na próxima rodada, que a última das Eliminatórias, a França encara a Albânia fora de casa, enquanto a Moldávia encerra a sua participação contra a Islândia. 

BeSoccer

BeSoccer

noticias 37K RANK 1
LEITURAS 119M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook