noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo App Huawei

"O médico me disse que o futebol havia terminado para mim"

BeSoccer por BeSoccer @besoccerPT - 0 1,832

Pin Mendy e a vez quando quase teve que se aposentar. AFP
Mendy e a vez quando quase teve que se aposentar. AFP

"O médico me disse que o futebol havia terminado para mim"

BeSoccer por BeSoccer @besoccerPT - 0 1,832

Ferland Mendy, jogador do Real Madrid, além de falar sobre o mata-mata da Champions League que os merengues enfrentarão contra a Atalante em entrevista à UEFA, falou do episódio mais trágico de sua carreira. Uma artrite quase obrigou o jogador a se aposentar.

Mendy, o atual protagonista da equipe de Zinedine Zidane no Real Madrid, falou sobre o mata-mata da Liga dos Campeões contra a Atalanta em entrevista à UEFA. De passagem, ele comentou o episódio mais trágico de sua carreira: quando ele quase precisou se aposentar.

É uma grande história. Passei por um período difícil, mas me saí bem. Passei sete anos no PSG, comecei no Sub-11 e me lesionei antes de entrar na academia. Tive artrite no quadril e tive uma infecção, então eu tive que fazer uma cirurgia e fiquei muito tempo no hospital", ele começou contando.

“Lá fiquei engessado por dois ou três meses. Quando me operaram, o médico veio me ver e me disse que o futebol acabou para mim. Ele até falou de amputação. Tive que ficar na cadeira de rodas durante muito tempo, depois de muletas e depois tive que aprender a andar de novo", continuou.

Mendy reconheceu que, apesar da situação difícil, nunca pensou em deixar de jogar futebol: "Levaram-me de um lado para o outro, mas pensei que podia voltar a andar imediatamente. Tentei, levantei da cadeira e caía em seguida. Eu não tinha mais energia em minhas pernas porque não havia caminhado e minhas pernas não se moviam há muito tempo".

“Apesar disso, sempre pensei que o futebol não tinha acabado para mim e disse a todos que voltaria. A maioria das pessoas achava que era impossível, mas aprendi a andar novamente e joguei com dores no quadril por cerca de um ano e meio. Fui eleito o melhor lateral esquerdo por dois anos consecutivos. Sinceramente, me saí bem", concluiu.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 64K RANK 1
LEITURAS 167M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook