noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Os humilhados serão exaltados

Pin Os humilhados serão exaltados. EFE
Os humilhados serão exaltados. EFE

Os humilhados serão exaltados

Real Madrid e Barcelona protagonizaram mais um 'Clásico' no Campeonato Espanhol, desta vez, no Santiago Bernabéu. A vitória veio com gols de dois heróis inesperados, Vinicius e Mariano.

O futebol é apaixonante pelas reviravoltas que pode proporcionar, e em especial os clássicos são aquelas ocasiões que podem fazer treinadores, jogadores e equipes renascerem ou afundarem de vez. 

A partida entre Real Madrid e Barcelona era importante, principalmente, para o Real recuperar a confiança após a derrota na Champions e de quebra a liderança do Campeonato. 

Zidane apostou no retorno de Kroos ao time titular e de Marcelo na lateral-esquerda, enquanto Setién confiava a titularidade no meio de campo a Arthur. 

O jogo começou tenso, com muitas disputas por espaço no meio de campo, tanto que a primeira ocasião de gol só veio no minuto 21 com Griezmann. Alba fez o cruzamento para francês na marca do pênalti, mas o atacante mandou por cima do gol de Courtois. 

O Real tentava a resposta utilizando Vinicius como válvula de escape, mas até então o brasileiro não vinha conseguindo vencer um duelo com Piqué, o zagueiro estava ganhando todas. 

Aos 33' a primeira grande oportunidade da partida. Griezmann encontrou Arthur no meio de um buraco na defesa do Real! O brasileiro avançou até a área, mas o goleiro fechou o ângulo e fez uma defesa impressionante!

Cinco minutos depois mais Barcelona! Busquets lançou Leo Messi, que finalizou de dentro da área para outra defesaça do goleiro belga.

Na volta do intervalo o Real parece ter se recuperado do susto e foi gostando da partida. Aos 60', Carvajal fez o cruzamento, Isco desviou de cabeça e Piqué fez o corte em cima da linha, providencial. 

Dois minutos depois, mais pressão dos donos da casa. Carvajal cruzou no segundo pau e Benzema chegou batendo de primeira, mas errou o alvo por centímetros.

Com dificuldades no ataque, Setién colocou Braithwaite em campo, que quase marcou no seu primeiro toque na bola. O dinamarquês ganhou de Marcelo, invadiu a área e bateu! Mas a zaga afastou o perigo. 

No lance seguinte veio a redenção de Vinicius, muito criticado por sua falta de gols e toma de decisões equivocadas em momentos cruciais. Kroos viu o desmarque do brasileiro pela esquerda, o atacante invadiu a área e bateu, a bola desviou em Piqué e entrou nas redes de Ter Stegen!

Os dois treinadores passaram a mexer nas equipes, Zidane para segurar o importante resultado e Setién para tentar mudar o desenho da partida. Uma dessas alterações foi a entrada de Mariano no lugar de Benzema já nos acréscimos da partida. 

Mariano que foi a grande surpresa da lista de Zidane para a partida, com apenas 14 minutos nesta temporada e sofrendo com lesões e a falta de confiança do treinador. 

No seu primeiro toque na bola, o atacante ganhou de Umititi, invadiu a área e bateu na saída de Ter Stegen! Nem nos seus melhores sonhos o camisa '24' poderia sonhar com um enredo assim. 

Com a vitória, o Real Madrid chegou aos 56 pontos e recuperou a liderança do Campeonato Espanhol, deixando o Barcelona na segundo colocação com 55 pontos. 

Na próxima rodada os madridistas encaram o Betis (14º), no sul da Espanha, enquanto o Barcelona recebe visita da Real Sociedad (6º). 

Rafael Alexandre Coelho

Rafael Alexandre Coelho

noticias 538 RANK 9
LEITURAS 2M RANK 9
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook