noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Os números de Gago e Messi, a dupla que Sampaoli quer recuperar para salvar a Argentina

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 2,378

Pin Selecionador conta com os seus dois futebolistas. Goal
Selecionador conta com os seus dois futebolistas. Goal

Os números de Gago e Messi, a dupla que Sampaoli quer recuperar para salvar a Argentina

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 2,378

Treinador sonha com a recuperação dos dois jogadores para ressuscitar a parceria das últimas Eliminatórias.

Vice-campeã mundial em 2014, a Argentina chegou ao Brasil credenciada por uma boa campanha nas Eliminatórias. Com o bom trabalho de Alejandro Sabella, a Albiceleste terminou o qualificatório na liderança muito graças a excelente parceria entre Lionel Messi e Fernando Gago.

O craque viveu alguns de seus melhores momentos com a camisa de seu país nas Eliminatórias e não se cansou de dar show e balançar as redes. E a parceria com Gago foi fenomenal. Ninguém nunca deu tantos passes ao camisa 10 quanto o jogador do Boca Juniors durante o ciclo do Mundial de 2014.

No ciclo do Brasil 2014, Messi e Gago jogaram juntos 15 vezes, vencendo 12 partidas, empatando duas e perdendo apenas uma. Por outro lado, quando apenas um dos dois esteve em campo, o que ocorreu oito vezes, a Argentina empatou em quatro oportunidades, venceu só duas e perdeu outras duas.

E ainda há mais. Segundo a 'Opta', Gago deu 186 passes a Messi durante as Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014 e no Mundial. São 12 passes, em média, por jogo. Para comparar, no ciclo visando a Copa de 2018, na Rússia, quem mais deu passes para o camisa 10 foi Biglia: 75 em 10 jogos, ou seja, 7,5 passes por partida.

A última vez que Messi e Gago jogaram juntos foi em 8 de setembro de 2015, no empate em 2-2 com o México, em um amistoso depois da Copa América. Jorge Sampaoli, agora, quer ressuscitar esta parceria para encontrar um funcionamento que tem faltado na Argentina e ele ainda não conseguiu implementar. Por isso, ele voltará a utilizar a dupla que não joga junta há dois anos mas, em determinado momento, rendeu ótimos frutos aos hermanos. A ideia é ajudar a 'Albiceleste' a conseguir a necessária vitória nesta noite, no jogo de vida ou morte contra o Peru, às 20:30 de Brasília (00:30 de Lisboa), em Buenos Aires, pelas Eliminatórias para o Mundial de 2018.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 44K RANK 1
LEITURAS 134M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook