noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Primeiro Gre-Nal de 2020 terá a volta do 'quinteto olímpico'

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 326

Pin Primeiro Gre-Nal de 2020 terá impacto da volta de 'quinteto olímpico' do Brasil sub-23
Primeiro Gre-Nal de 2020 terá impacto da volta de 'quinteto olímpico' do Brasil sub-23

Primeiro Gre-Nal de 2020 terá a volta do 'quinteto olímpico'

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 326

Tricolor deve ter Matheus Henrique e promover estreia de Caio Henrique no clássico, enquanto Bruno Fuchs pode ganhar chance no Colorado.

Em uma temporada que pode reservar dois encontros pela Copa Libertadores, Grêmio e Internacional fazem, neste sábado (15), o primeiro clássico da temporada pelo Campeonato Gaúcho. E o duelo deve ter várias novidades, principalmente no lado gremista, impulsionadas pelo retorno dos atletas que estiveram no Torneio Pré-Olímpico e conquistaram a vaga nos Jogos de Tóquio 2020.

Para se ter uma ideia, não é absurdo pensar que o lateral esquerdo Caio Henrique, o volante Matheus Henrique e o atacante Pepê estejam em campo desde o começo do Gre-Nal, encarando do outro lado o zagueiro Bruno Fuchs. O goleiro Phelipe, reserva na Seleção, deve manter a condição no trabalho com Vanderlei e Paulo Victor.

Dentre os tricolores, a maior novidade fica por conta de Caio Henrique, contratado após boa temporada com o Fluminense. Dono de bom toque de bola, em estilo que casa com a posse de bola imposta por Renato Gaúcho à equipe, pode dar ao Grêmio uma opção de alto nível na disputa interna com Cortez, titular dos últimos anos.

No meio, Matheus Henrique é presença certa. Titular tanto no Brasil quanto no Grêmio, foi mantido após o encerramento da janela de transferências e em breve deve retomar a já bem sucedida dupla com Maicon, no meio-campo. Pepê, 12º jogador em 2019, pinta como o nome para se firmar de vez na atual temporada.

Vice-artilheiro do Brasil e um dos nomes que voltam em alta da Colômbia, o ponta gremista tem traçado trajetória semelhante à de Everton Cebolinha. Reserva muito utilizado nos primeiros anos, tenta dar o salto para ser uma figura essencial para o seu time.

Já do lado colorado, Bruno Fuchs é a opção para dar rodagem à dupla Rodrigo Moledo e Cuesta, por vezes quase um trio no novo esquema de Eduardo Coudet, sempre reforçado pela ajuda do volante Musto, uma das novidades para o ano.

Alçado de vez ao time profissional no segundo turno do Brasileirão Série A do ano passado, foi titular nove vezes da equipe na ausência de Rodrigo Moledo. Dono de bom passe e acostumado a atuar avançado, como fez na seleção sub-23, torna-se a principal alternativa para o argentino no setor.

Com o Inter já classificado à terceira fase da Libertadores e o Grêmio com mais 20 dias até estrear no grupo do torneio, o embate pode ser uma boa oportunidade para a molecada demonstrar quão importante podem ser para o restante do ano.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 42K RANK 1
LEITURAS 130M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook