noscript image

Qual seria o melhor time para Pato em um retorno ao Brasil?

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 461

O destino de Pato pode ser o Brasil. Goal

Qual seria o melhor time para Pato em um retorno ao Brasil?

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 461

O atacante interessa especialmente a Santos, Atlético-MG e Palmeiras.

Alexandre Pato tenta a rescisão contratual junto ao Tianjin, clube onde está desde 2017. A negociação não é fácil, mas a grande crise vivida pela instituição pode acabar dando uma mãozinha e, como dificilmente o atacante de 29 anos tem espaço entre os clubes mais tradicionais da Europa, um retorno no Brasil é cada vez mais falado.

Dentre os principais interessados, Santos, Palmeiras, São Paulo e Atlético-MG aparecem com mais força. Mas qual destes times seria melhor para receber o jogador, que apareceu como sensação do futebol brasileiro em 2006 e teve um breve sucesso no Milan antes de decepcionar parte de seus entusiastas ao não cumprir com todas as expectativas gigantes que havia gerado?

Além da questão contratual, que pode se resolver pela crise vivida pelo Tianjin (que precisou até mudar de nome depois que o grupo farmacêutico Quanjian passou a ser acusado e está sob intervenção governamental), os altos salários recebidos pelo paranaense podem representar uma dificuldade. Hoje, o jogador ganha cerca de R$ 2,7 milhões. Algo fora da realidade de grande parte dos clubes brasileiros. Ricardo Goulart, do Palmeiras, recebe cerca de R$ 3 milhões mensais, mas o Guangzhou Evergrande, dono de seus direitos econômicos, é responsável por cerca de R$ 2,4 milhões.

Fator financeiro à parte, o principal interessado neste momento é o Santos. Embora não passe pelo seu melhor momento econômico, o Peixe já estourou o seu teto salarial com a chegada de Christian Cueva (R$ 600 mil mensais) e busca um atacante para ser a referência do time treinado por Sampaoli. O nome de Pato esteve em discursos recentes do presidente José Carlos Peres, que vê a questão contratual com o Tianjin como o maior entrave neste momento.

“É uma das opções boas de mercado, tem projeto de voltar para a seleção e ir para a Copa América. Santos precisa de um 9 e é um dos que interessa”, afirmou o dirigente em declarações recentes veiculadas pela Gazeta Esportiva. “O Pato teve conversa com a gente, mas precisa se desvincular da China e não é fácil”, completou em conversa com o UOL.

Quem também está de olho em Pato é o Galo. O Atlético-MG tem apenas Ricardo Oliveira como opção de referência no ataque, e embora o veterano siga a desempenhar em grande nível a equipe de Belo Horizonte precisa de mais opções ofensivas. O Alvinegro também se interessa por outro goleador que deseja retornar do futebol chinês: Diego Tardelli, ídolo da massa mineira e um jogador que pode ser vir como alternativa à narrativa de Pato.

Tardelli já estaria em negociações mais avançadas com o Grêmio, algo confirmado pelo técnico Renato Gaúcho. Caso não acerte, é possível imaginar que o Tricolor – que tem André e Felipe Vizeu como opções em seu elenco – ao menos sonde a situação do ex-colorado. Quem também estaria de olho em Tardelli é o Palmeiras, que pode perder Borja exatamente na mira da China e ainda tem cada vez mais dores de cabeça com o comportamento de Deyverson. Pato seria uma alternativa viável seja pela posição quanto pelo poderio financeiro do alviverde.

 Como demonstrou com a camisa do São Paulo, entre2014 e 2015, sua última experiência no futebol brasileiro, Alexandre Pato pode entregar os gols que fazem a diferença para um time.  E se a passagem relâmpago pelo Chelsea não foi das melhores, seu desempenho no Villarreal e no Tianjin (onde fez 34 gols em 58 partidas) foram positivos.  Em nossa Serie A, Pato ainda pode desequilibrar e seria uma boa para qualquer clube... a questão aí fica relegada ao lado financeiro para convencê-lo.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 25K RANK 1
LEITURAS 84M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook