noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Real Madrid evita derrota e volta a decepcionar na Champions

Pin Real Madrid evita derrota e volta a decepcionar na Champions. EFE/ Juanjo Martín
Real Madrid evita derrota e volta a decepcionar na Champions. EFE/ Juanjo Martín

Real Madrid evita derrota e volta a decepcionar na Champions

Daniel Fraga por Daniel Fraga @besoccer_es - 0 2,180

O Real Madrid foi surpreendido pelos belgas do Brugge em pleno Santiago Bernabéu. Com dois gols inusitados de Dennis, os visitantes só cederam o empate no fim do jogo, quando tinham um jogador a menos. Sergio Ramos e Casemiro igualaram o placar de cabeça.

Após a derrota por 3 a 0 contra o PSG na estreia da Champions League, o Real Madrid recebeu o Brugge com a necessidade de vencer. Os Belgas empataram em 0 a 0 na estreia contra o Galatasaray e chegaram ao Santiago Bernabéu embalados por 15 partidas seguidas sem perder e determinados a chegar a 16 jogos de invencibilidade.

A postura dos anfitriões foi de pressionar desde os primeiros instantes. Benzema teve a primeira finalização da partida aos 5 minutos, mas, três minutos depois, veio a primeira surpresa. 

Dennis fez um gol inesperado e inusitado. O atacante recebeu livre na entrada da área após passe da esquerda e errou o domínio. A bola escapou, enganando Courtois e entrando devagar. Inicialmente, a arbitragem marcou impedimento, mas o VAR revisou e confirmou.

Com o placar parcial desfavorável, o Real Madrid retomou sua postura, mantendo a posse de bola e buscando espaço no campo adversário, que dificultava a infiltração dos donos da casa.

Enquanto o time de Zidane demonstrava falta de criatividade e eficiência, insistindo em cruzamentos e pecando pontaria, o Brugge encontrava espaços para apostar nos contra-ataques.

A desvantagem ficou maior aos 38 minutos, com Dennis marcando novamente de modo estranho. Mesmo desequilibrado e quase caindo na cara do gol de Courtois, o atacante conseguiu encobrir o goleiro do Real Madrid.

No segundo tempo, o Real Madrid voltou do vestiário com Areola no lugar de Courtois e Marcelo substituindo Nacho Fernández. A postura ofensiva foi mantida, com pressão constante na área adversária e ainda mais cruzamentos.

A etapa final da partida teve raras ações ofensivas do Brugge, que viu o placar ser ampliado aos 55 minutos após nova revisão do VAR.

Após analisar as imagens, a arbitragem confirmou o gol de Sergio Ramos. O zagueiro recebeu cruzamento e subiu mais alto para descontar de cabeça. A estratégia de bolas alçadas começava a dar certo.

Vinicius Junior entrou no lugar de Lucas Vásquez faltando 30 minutos de partida, mas não teve um papel muito importante em um estilo de jogo predominantemente aéreo.

Aos 83 minutos, o capitão do Brugge deixou seu time com desvantagem númerica. Vormer recebeu o segundo cartão amarelo e voltou mais cedo para o vestiário.

Dois minutos depois, Casemiro garantiu o empate em novo cruzamento na área dos belgas. Ele saltou muito para mandar de cabeça a bola para o fundo do gol.

O Real Madrid evitou a derrota, mas não conseguiu os três pontos diante de um bravo e surpreendente Brugge.

A próxima partida do time de Zidane pela Champions League será em casa contra o Galatasaray no dia 10 de outubro, mesmo dia em que os belgas voltam a campo em casa contra o PSG.

Daniel Fraga

Daniel Fraga

noticias 262 RANK 12
LEITURAS 928K RANK 12
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook