noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Sem brilho e sem renovação o Brasil é derrotado pelo Peru

Pin Sem brilho e sem renovação o Brasil é derrotado pelo Peru. Twitter @SeleccionPeru
Sem brilho e sem renovação o Brasil é derrotado pelo Peru. Twitter @SeleccionPeru

Sem brilho e sem renovação o Brasil é derrotado pelo Peru

Brasil e Peru se enfrentaram em um amistoso em Los Angeles. Com sabor de revanche para o Peru, o time de Gareca sofreu, mas encontrou um gol no final do jogo e conseguiu impor a terceira derrota na era Tite.

O Brasil entrou em campo contra o Peru, em Los Angeles, completando o segundo amistoso de setembro. No primeiro, vitória sobre a Colômbia com uma boa atuação de Neymar. 

Na segunda partida, Tite fez quatro alterações no time que enfrentou os ‘cafeteiros’, Militão, Fagner, Allan e Neres entre os onzes. A surpresa ficou por conta de Neymar no banco de reservas. Também existia a possibilidade de Vinicius no time que começaria jogando, mas não aconteceu. 

Com a bola rolando, o jogo começou em marcha lenta, os primeiros vinte minutos foram bem disputados no meio de campo. O Brasil sofria com o gramado molhado, é bom lembrar que o Memorial Coliseum é um estádio para a prática de futebol americano e a grama possui características distintas. 

A coisa foi melhorando quando Neres foi lançado na área, limpou o goleiro e na hora do chute... Advíncula surgiu com um carrinho milagroso e afastou o perigo.

O Peru respondeu com Flores, uma pancada! A bola sobrou na entrada da área e ele soltou o pé esquerdo de primeira! Ederson desviou para escanteio.  

O Brasil errava muitos passes, Allan e Coutinho não conseguiam acertar o último passe e o time de Tite sofria com a falta de criatividade. Richarlison teve que se movimentar bastante para compensar a ausência dos meias. 

E até que deu certo, o ‘Pombo’ foi o melhor jogador da primeira etapa. Ele tentou a tabela com Firmino, a zaga afastou, mas a bola voltou para o atacante brasileiro que soltou a bomba e a bola passou tirando tinta da trave. 

Pouco depois um lance que preocupou todos os presentes no estádio, Casemiro e David Neres sofreram um choque de cabeça. Os dois recebem atendimento médico e era possível ver um sangramento no capitão brasileiro. Mas foi só um susto. O choque foi duro, mas os dois jogadores voltaram ao campo com toucas de natação. 

Richarlison ainda teve mais duas chances, mas não conseguiu mover o zero do placar no primeiro tempo. Na segunda etapa o Brasil voltou sem alterações, mas com um ritmo melhor.

Tite colocou em campo Neymar, Fabinho, Vinicius, Paquetá e Bruno Henrique, muita velocidade! A dupla Ney e Vini até tentou uma e outra jogada, mas não foi suficiente para mudar a situação do Brasil. 

Não foi uma boa partida da equipe comandada por Tite, mas a canarinha buscou mais o gol. No entanto, que encontrou a 'bola dos três pontos' foi o Peru. 

Em uma cobrança de falta lançada na área por Yotún, Ederson e a defesa brasileira fizeram um lambança e Abram conseguiur desviar a redonda para dentro das redes brasileiras. 

Essa é a terceira derrota da Seleção Brasileira sob o comando de Tite, as duas anteriores foram contra Argentina e Bélgica. 

Não resta dúvidas que o treinador brasileiro precisa realmente renovar, não adianta convocar novos jogadores e não testá-los em situações reais de jogo. Cabe a reflexão para Tite, que ainda terá mais duas oportunidades em outubro. 

Rafael Alexandre Coelho

Rafael Alexandre Coelho

noticias 356 RANK 10
LEITURAS 1M RANK 10
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook