noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

'Senhor mata-mata': fator Thiago Neves anima o Cruzeiro

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 1,307

Pin Thiago Neves Vitinho Cruzeiro Flamengo Libertadores. Goal
Thiago Neves Vitinho Cruzeiro Flamengo Libertadores. Goal

'Senhor mata-mata': fator Thiago Neves anima o Cruzeiro

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 1,307

Ao lado de Fábio, camisa 30 celeste tem sido o grande nome da Raposa em jogos decisivos.

Fábio tem sido espetacular e herói do Cruzeiro em jogos decisivos e eliminatórios nos últimos anos. Contra o Santos, no jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil, foi assim mais uma vez, com o goleiro defendendo três cobranças rivais na disputa de pênaltis. No entanto, um outro jogador tem sido o grande nome celeste em mata-matas ao lado do ídolo azul.

Este jogador é Thiago Neves.

O meia-atacante estrelado, afinal, tem sido fantástico em jogos decisivos para o Cruzeiro. No citado duelo contra o Santos, por exemplo, ele marcou um gol importante na derrota por 2 a 1, que evitou a eliminação ainda no tempo normal. Depois, Fábio brilhou nas penalidades.

Contra o Flamengo, no jogo de ida das oitavas de final da Libertadores, o camisa 30 marcou um gol e participou da jogada de outro na vitória por 2 a 0 em pleno Maracanã.

Ainda neste ano, Thiago Neves também foi vital na final do Campeonato Mineiro, marcando o gol do título na vitória por 2 a 0 sobre o Atlético-MG, que deu o título estadual ao Cruzeiro.

Já no ano passado, TN30 brilhou em toda a caminhada estrelada na conquista da Copa do Brasil. Na quarta fase, ele marcou um gol de falta na derrota por 2 a 1 para o São Paulo, no jogo de volta, no Mineirão. O tento classificou a Raposa, que venceu na ida por 2 a 0, no Morumbi.

Nas semifinais, deu a assistência para Hudson, na vitória por 1 a 0 sobre o Grêmio, e converteu sua cobrança, a última do time na disputa de pênaltis, que colocou o Cruzeiro na final. Já na decisão contra o Flamengo, também bateu e converteu a última penalidade celeste na disputa de pênaltis, que deu o pentacampeonato aos mineiros.

No total, são 16 mata-matas de Thiago Neves pelo Cruzeiro, com 14 classificações e apenas duas eliminações, um aproveitamento de 87,5%.

Além disso, o meia-atacante foi o artilheiro da Raposa em 2017, com 17 gols, e é o principal goleador também neste ano, com 12 tentos. Já na Libertadores, tem cinco bolas nas redes, estando atrás apenas de Morelo, do Santa Fe (9), e Borja, do Palmeiras (8), na artilharia.

Fábio pegando até pensamento, uma grande vantagem construída no duelo de ida com a vitória por 2 a 0 sobre o Flamengo, o fato de decidir em casa no Mineirão lotado e o "fator Thiago Neves". O Cruzeiro tem muitos motivos para se animar e acreditar na classificação às quartas de finais da Copa Libertadores na noite desta quarta-feira (29), às 21h45 (de Brasília).

 

BeSoccer

BeSoccer

noticias 37K RANK 1
LEITURAS 119M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook