noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Um empate modesto no duelo da vaidade

Pin Tudo igual no duelo imodesto. AFP
Tudo igual no duelo imodesto. AFP

Um empate modesto no duelo da vaidade

Milan e Juventus se enfrentaram pela partida de ida da semifinal da Copa da Itália, no San Siro. Os donos da casa foram melhores, mas com um a menos, acabaram sofrendo o empate.

Vale uma vaga na final da Copa da Itália, é um clássico e cada lado tem o seu protagonista indiscutível. Milan e Juventus se enfrentaram pela partida de ida da semifinal da Copa, um duelo que marcou o reencontro de Ibra e Cristiano Ronaldo. 

Talvez os dois nomes mais badalados do futebol italiano nas temporadas recentes. Conhecidos pela genialidade dentro de campo e pela vaidade fora dele. 

Quando a bola rolou no San Siro lotado os donos da casa foram para cima e levaram perigo com Kessié, Rebic e Ibra, era uma pressão sem fim. 

A Juventus não conseguiu sair jogando, Dybala o termômetro 'bianconeri' não estava no seu melhor dia e com isso todo a equipe sentiu. Cristiano muito bem marcado, pouco apareceu. 

O grande destaque da Juve era Buffon, o veterano goleiro estava em uma noite inspirada e realizou verdadeiros milagres, evitando o que poderia ser uma goleada milanista. 

Os donos da casa começaram a etapa final com a mesma intensidade mostrada durante os primeiros 45 minutos. E foram premiados com o gol quando a partida completava uma hora. 

Castillejo levantou na área e Rebic apareceu livre de marcação para desviar com a perna direita, desta vez não deu para Buffon. Festa rubro-negra em San Siro. 

Tudo ia caminhando para a vitória do Milan, até que Theo Hernández, que fazia uma boa partida, fez falta em Dybala, recebeu o segundo amarelo e foi expulso. Com um a mais, Sarri colocou a Juve ao ataque. 

O Milan até ia resistindo bem e quando a  partida entrava nos seus minutos finais, veio o balde de água fria. O pouco participativo Cristiano tentou de bicicleta e a bola bateu no braço de Calabria dentro da área. Com a ajuda do VAR, o árbitro foi conferir a jogada no monitor e apontou a penalidade. 

Ai você já sabe, Cristiano, com a frieza de sempre, bateu no meio do gol, sem chances para Donnarumma. Deixando tudo igual. 

Com o empate está tudo em aberto para a partida de volta no dia 4 de março, em Turim. Quem vencer encara ou Napoli ou Inter na grande final. É bom lembrar que o Milan não poderá contar com Ibrahimovic, Theo Hernández e Samu Castillejo, todos suspensos. 

Rafael Alexandre Coelho

Rafael Alexandre Coelho

noticias 492 RANK 9
LEITURAS 2M RANK 9
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook