noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Um pé e meio na final do Jamor

Priscila por Priscila @besoccer_es - 0 5,195

Pin Soares foi o autor do segundo golo do FC Porto. EFE
Soares foi o autor do segundo golo do FC Porto. EFE

Um pé e meio na final do Jamor

Priscila por Priscila @besoccer_es - 0 5,195

O FC Porto recebeu e venceu o SC Braga no Dragão, em jogo a contar para a primeira mão da meia-final da Taça de Portugal.

As duas equipas entraram no jogo com vontade de resolver o jogo desde cedo mas era dificil para ambas conseguirem criar grandes situações de perigo. 

Ao longo de quase 45 minutos foram vários os lances em que acabaram bem longe das balizas de ambos os guarda-redes. As equipas acabaram por encaixar o jogo no meio campo e Palhinha e Claudemir não permitiam aos da casa lançarem ataques a partir do centro. 

Apesar do equilíbrio, o FC Porto começou a ganhar terreno e aos 37' conseguiu mesmo inaugurar o marcador. Marafona tentava aliviar a bola da área mas acabou por socar Herrera na face. João Pinheiro, árbitro da partida, não teve dúvidas e marcou a pena máxima. Ales Telles foi chamado a converter e não perdoou. Guarda-redes para o lado esquerdo e a bola foi para o centro. Estava feito o primeio. 

O encontro foi para intervalo com os dragões em vantagem por 1-0 e com poucas ocasiões de perigo. A segunda metade começou com um Sporting de Braga mais endiabrado mas o FC Porto também se mostrava à procura do 2º golo. As equipas jogavam de igual para igual e as ocasiões começaram a aparecer em ambas as balizas. 

Aos 53 minutos a primeira grande ocasião desta segunda parte. Cruzamento de Ricardo Horta para Dyego Sousa. O melhor marcador do Braga enche o pé e depois de Felipe escorregar remata para a grande defesa de Fabiano. Ovação em pé de Casillas para o seu companheiro de equipa que defendeu com garra os ataques dos arsenalistas. 

Poucos minutos depois foi a vez de Marafona negar o golo a Corona. O '17' do Porto recebeu com um passe picado de Óliver com o pé direito, ajeitou para o esquerdo e rematou para a defesa de Marafona. 3 minutos depois foi a vez de Soares rematar, mas desta vez com sucesso. 

A jogada nasce nos pés de Otávio que cruzou, Claudemir tentou afastar mas Soares dominou com a coxa e colocou a bola no fundo da baliza de Marafona que ficou pregado ao relvado. 2-0 no Dragão por intermédio de Soares. 

Abel Ferreira mexeu na equipa para tentar procurar o golo e evitar sofrer mais tentos que deixariam a eliminatória ainda mais complicada com vista à 2º mão. 

Com as alterações o Braga tentou criar ocasiões para chegar ao golo mas o FC Porto continuava a atacar e aos 93 minutos o terceiro apareceu. Tudo nasce de uma excelente jogada de Óliver. O '10' dos dragões sofre falta de Paulinho mas resiste e continua. O árbitro dá a lei da vantagem e deixa seguir a jogada. Óliver cruza para Brahimi que encara a baliza e remata para o fundo da baliza de Marafona. Estava feito o 3-0. 

O FC Porto recebeu e venceu a primeira mão com uma margem que pode desde já deixar garantida a presença na final do Jamor. A 2ª mao será disputada em abril na Pedreira e o Braga de Abel Ferreira terá de fazer muito melhor para conseguir ultrapassar os dragões. 

Um bom resultado dos azuis e brancos já com o clássico da Liga Portuguesa em mente. O primeiro de três desafios que têm de enfrentar esta semana foi concluido com sucesso e colocou o FC Porto com um pé e meio no Jamor. 

Priscila

Priscila

noticias 1,296 RANK 7
LEITURAS 5M RANK 7
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook