noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Valencia e Real Madrid guardaram o melhor para o final

Pin Valencia e Real Madrid guardaram o melhor para o final. AFP
Valencia e Real Madrid guardaram o melhor para o final. AFP

Valencia e Real Madrid guardaram o melhor para o final

Que jogo! O Valencia recebeu o Real Madrid em Mestalla e as duas equipes protagonizaram uma das melhores partidas do Campeonato Espanhol até aqui. Muita intensidade, chances, algumas polêmicas e um empate épico na reta final.

Zidane não admite, mas já estava com a cabeça na partida da próxima quarta-feira, o clássico contra o Real Madrid. O treinador realizou algumas mudanças de olho no dia 18. 

Caserimo no banco de reservas pela primeira vez na temporada, Nacho na lateral-direita, Bale no banco de reservas, enfim, uma nova formação para encarar os 'ches'.

Já o Valencia queria fechar a semana perfeita, com a classificação no meio de semana para as oitavas da Champions e uma vitória que colocaria os 'morcegos' na parte alta da tabela. 

Quando a bola rolou, só deu Real Madrid. Os de Chamartin foram para cima como se estivessem em casa, e bombardearam o gol de Domenéch, que teve muito trabalho. 

Valverde, Benzema, Modric e Kroos foram os responsáveis por levar perigo ao gol do Valencia, mas pararam nas boas defesas do goleirão. 

O Valencia levava algum perigo nos contra-ataques, apostando na velocidade de Ferrán Torres e Rodrigo Moreno, que também fizeram Courtois trabalhar. 

Com um primeiro tempo muito intenso e uma participação determinante dos goleiros, o gol não saiu. Todas as emoções ficaram guardadas para a parte final do encontro. 

A segunda parte já começou com um milagre do goleiro belga do Real Madrid. Ferrán Torres recebeu em condição legal, invadiu a área e bateu, mas Courtois saiu do gol e fez uma defesaça.

So dava Valencia, os donos da casa foram para cima, pressionaram, sufocaram os madrilenhos e encontraram o gol quando a partida entrava na sua reta final. 

Rodrigo recuperou a bola no meio de campo, abriu do lado para Daniel Wass que ganhou a linha de fundo e fez o cruzamento atrás. A bola passou por todos os defensores do Real e chegou até Carlos Soler, que bateu de primeira para estufar as redes de Courtois.

Já nos acréscimos o Real, já desesperado, foi para o ataque e conseguiu marcar, mas não valeu. Luka Jovic recebeu uma bola na área, dominou com o peito e fuzilou Domenéch. Festa pura, até que o árbitro da partida, Sánchez Martínez, anulou o gol porque o atacante estava em uma clara posição de impedimento quando recebeu a bola de Sergio Ramos.

No minuto final dos acréscimos, o Real Madrid conseguiu um escanteio e de forma emergencial Courtois foi até a área rival tentar um milagre.... e conseguiu, deixando o final deste jogo ainda mais épico. 

O goleiro belga cabeceou e por muito pouco não marcou, já que Domenéch espalmou, mas no rebote Benzema empatou. A zaga do Valencia não conseguiu tirar a bola da pequena área e ela caiu justamente nos pés de KB9, que não desperdiçou. Incrível!

Com o resultado, o Real Madrid continua empatado com o Barcelona na liderança do Campeonato Espanhol, ambos com 35 pontos conquistados. Já o Valencia é o 8º, fora das vagas de classificações para as competições continentais. 

Os de Zidane voltam a campo nesta quarta-feira, quando fazem o clássico adiado da 10º rodada contra o Barcelona. Já final de semana, recebem o Athletic de Bilbao no Bernabéu; e o Valencia visita o Valladolid. 

Rafael Alexandre Coelho

Rafael Alexandre Coelho

noticias 455 RANK 9
LEITURAS 2M RANK 9
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook