noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

"Vim para o Benfica porque acredito em um projeto", diz Jorge Jesus em apresentação

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 1,289

Pin Jorge Jesus é apresentado no Benfica. SLBenfica
Jorge Jesus é apresentado no Benfica. SLBenfica

"Vim para o Benfica porque acredito em um projeto", diz Jorge Jesus em apresentação

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 1,289

O Benfica apresentou o seu "novo" treinador: Jorge Jesus. O treinador deixou o Flamengo e prometeu muito trabalho no clube luso.

Jorge Jesus foi oficialmente apresentado como novo treinador do Benfica. O 'míster' deixou o Flamengo, onde ganhout de tudo, e voltou ao seu país natal para tentar recolocar o Benfica no caminho das vitórias.

Em uma cerimônia ao lado do presidente do clube, Luis Filipe Vieira, membros da diretoria e até mesmo ex-jogadores, o treinador explicou a sua opção. 

"Não vim para o Benfica para me reformar. O presidente me ofereceu quatro anos de contrato. Eu disse que não queria, queria um, ele disse pelo menos dois. Eu disse: "Fazemos dois anos". Não vim para melhor meu contrato salarial, para vim ganhar menos dinheiro que ganhava no Flamengo. Vim para o Benfica porque acredito em um projeto, porque acredito que essa nação tem todas as condições de fazer o Benfica grande, recuperar o prestígio internacional que teve durante muitos anos - disse o técnico em seu pronunciamento inicial"

"Não sou o salvador. Salvador seremos todos os benfiquistas. É importante pensarmos... Perdoem se vou falar de onde cheguei. Cheguei de um grande clube, também, de um grande clube que se uniu em volta de seu treinador, de seu time, e por isso que ganhamos grandes títulos internacionais"

Veja outros pontos da apresentação de Jorge Jesus: 

Mais esforço

"Como não direi que o Benfica tem que jogar o dobro? Porque se não ganhar o dobro, voltamos a não ganhar. Foi o que aconteceu esse ano. Temos condições de fazer um time muito forte. Toda a estrutura, eu divido em duas partes, clube e futebol, tudo isso é um todo. E a estrutura do futebol vai reunir leque de jogadores como os que aqui estão. Vamos fazer uma grande equipe e não vamos jogar o dobro, vamos jogar o triplo"

O passado de JJ

"Mais importante aqui é colocar perguntas do presente e do futuro. O passado, como costumamos dizer, é museu. O passado é isso, 10 títulos. Aquilo que confirma meu trabalho no Benfica. O que importa é o presente e o futuro. Com esses indicadores, podem fazer as perguntas que quiserem sobre o treinador e o futebol"

Os desafios 

"Não foi fácil, só uma pessoa e um clube poderiam me tirar do Brasil. E o presidente me convenceu a voltar a Portugal. Eu gosto de desafios difíceis. Este é um grande clube, quem trabalha sabe que é um desafio difícil, mas motivador, que tem capacidade estrutural para os objetivos que a grandiosidade desse clube exige. Para sair de onde saí, onde me amavam, me adoravam, tinha que ser convencido por algo que me trouxesse um novo desafio diferente. E foi isso, o presidente foi ao Brasil para me convencer que esse era o projeto certo, ambicioso, para eu continuar em Portugal"

Títulos europeus

"O primeiro grande objetivo é sempre o campeonato nacional português. É o primeiro objetivo das três grandes equipes. E aquelas que podem ambicionar mais títulos além dos nacionais, que é o que o Benfica tem que fazer. Recuperar o prestígio internacional. O Benfica chegou a duas finais, que hoje sou conhecido por ter chegado lá. E é o caminho que temos que ter, são as exigências desse clube. Um Benfica internacional, jogando na Europa. Mas para chegar a títulos internacionais, como Champions e Liga Europa, tem que fazer uma revisão de tudo. Estamos elaborando, vamos tentar formar uma equipe muito forte. Pensar que queremos ganhar tudo. Queremos chegar também a títulos internacionais, é isso que vamos trabalhar. Vamos prometer confiança, compromisso, que queremos todos os torcedores unidos por uma causa, que se chama Benfica, não Jorge Jesus. Eu sou treinador do Benfica, tenho que ser julgado pelo meu passado. Sou treinador de futebol, não sou treinador de nenhum time. Mas em todas que trabalho, trabalho com compaixão e amor por onde trabalho"

BeSoccer

BeSoccer

noticias 55K RANK 1
LEITURAS 152M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook