noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Watford perde pênalti e empata com um Tottenham desorientado

Pin Watford foi superior ao Tottenham. Twitter/SpursOfficial
Watford foi superior ao Tottenham. Twitter/SpursOfficial

Watford perde pênalti e empata com um Tottenham desorientado

Dilson Cassaro por Dilson Cassaro @besoccer_es - 0 787

O Watford recebeu o Tottenham na primeira partida da 23ª rodada da Premier League e pressionou bastante, merecendo ter saído com a vitória, que quase aconteceu após um pênalti desperdiçado por Deeney.

Começando o jogo na oitava posição no campeonato, o Tottenham veio ao campo com sua espinha dorsal praticamente desfeita. O goleiro titular está lesionado, a defesa vem sofrendo muitos gols e, no meio-campo, Eriksen bvem vivendo uma temporada ruim com incertezas no seu futuro. Ele não foi titular hoje e, para piorar, a ausência de Harry Kane foi bastante sentida. Por conta de sua lesão, o jogador voltará apenas em abril. A dificuldade da defesa em se manster constante foi evidenciada mais uma vez no jogo de hoje.

Do outro lado, o Watford  vem reagindo bastante bem. O clube não perdeu os últimos cinco jogos da Premier League. Mérito de seu novo treinador, Nigel Pearson, que afasta cada vez mais o clube da zone de rebaixamento. O time veio bastante agressivo com os ataques potentes de Sarr, Deulofeu e Doucoure. O Watford ganhou todas as partidas em casa desde a chegada do novo técnico, o que mostra que a reconstrução do clube está acontecendo da maneira certa.

O time da casa começou com certa pressão, crescendo bastante e abafando as saídas de bola do time visitante. Porém, logo o Tottenham apareceu no jogo e chegou a ficar com 76% da posse de bola com Son e Aurier sendo bastante solicitados para bolas aéreas cruzadas na área.

Aos 30 minutos, o time da casa acorda e começa a oferecer perigo com um perigoso cruzamento de Sarr que acabou em chute de Deulofeu direto na rede pelo lado de fora. O time se animou, a torcida se animou e, com um forte meio-campo, com pontas perigosas criando mais jogadas, o time dava muito trabalho para Gazzaniga com perigosas chegadas de Chalobah. O Tottenham terminou o 1º tempo com a corda no pescoço.

Na volta para a segunda metade, o time de Pearson quase abre o placar com um chute forte de Doucoure na pequena área, uma cabeçada de Dele Alli e um chute rasteiro de Deeney que passa perto da trave. Três lances antes dos 10 minutos do 2º tempo. O Watford voltava decidido a ganhar o jogo.

Aos 60 minutos, Son recebeu uma bola na frente, ganhou de dois zagueiros na corrida e chutou forte cruzado mas pegou muito embaixo na bola. Serviu para assustar o time da casa, que ficou um pouco mais recuado.

Pouco tempo depois, um pênalti foi marcado para o Watford. Era a chance de fazer o tão merecido gol dessa equipe que vinha pressionando o Tottenham.  Deulofeu chutou forte de fora da área, Vertonghen se jogou e tocou na bola com a mão. Pênalti claro marcado.

Deeney foi para a bola e acabou pegando mal. Bateu o pênalti à meia-altura e não jogou tanto no canto. Gazzaniga pegou o pênalti e conseguiu deixar o placar em 0 a 0.

Com a saída do apagado Dele Alli e a entrada de Eriksen, o Tottenham ganhou mais mobilidade e aos 80 minutos a partida voltou a estar equilibrada, com os times se bombardeando o tempo todo.

Aos 92 minutos, o Tottenham quase faz um gol que precisou ser revisado pelo VAR. Em bate-rebate, a bola acabou indo lentamente ao gol e entrou quase totalmente. Porém, como não entrou 100%, o gol não foi marcado.

Após o susto, o apito final soou e o Tottenham conseguiu se livrar de uma derrota em um jogo onde a ausência de Harry Kane foi bastante sentida. O Watford, por sua vez, já enfileira sua sexta partida consecutiva sem perder e mostra que ainda está bem vivo no campeonato.

Dilson Cassaro

Dilson Cassaro

noticias 122 RANK 13
LEITURAS 450K RANK 13
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook