Xavi prevê Neymar como sucessor de Messi e CR7, compara Casemiro a Busquets e elogia a Seleção

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 +16k

Pin Xavi segue jogando, mas no Catar. Goal
Xavi segue jogando, mas no Catar. Goal

Xavi prevê Neymar como sucessor de Messi e CR7, compara Casemiro a Busquets e elogia a Seleção

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 +16k

O craque espanhol concedeu uma longa entrevista para o 'El País', exaltou o futebol ofensivo e criticou ex-treinador.

Considerado um dos maiores meio-campistas de toda a história do futebol, Xavi deixou a sua marca no 'esporte rei'. E com um time do Barcelona que, treinado por Pep Guardiola e com Messi encantado, encantou e conquistou títulos históricos.

Por isso, quando o jogador de 37 anos, atualmente no Al-Sadd, do Qatar, fala, é bom prestar atenção. E em extensa entrevista concedida ao 'El País', o meio-campista falou sobre diversos assuntos, com destaque para Neymar e Mbappé sucedendo CR7 e Messi, uma opinião forte sobre Casemiro e avaliação a respeito da Copa do Mundo.

Neymar, sucessor de Messi e CR7

“Depois de Messi e Cristiano, imagino três ou quatro anos de uma era Neymar. E depois virá Mbappé”.

Críticas à ausência de futebol bonito

“O que falta é desenvolver a técnica, o talento, porque assim que as coisas acontecem, o ataque. No futebol de alto nível existem mais Simeones do que Guardiolas”.

A diferença entre Casemiro e Busquets

“No Barça nós entendemos o futebol como espaço-tempo. Quem domina isso? Busquets, Messi, Iniesta. São maestros do espaço-tempo. Sempre sabem o que fazer, se estão sozinhos ou cercados”.

“Existem meio-campistas como Casemiro, que não entendem isso. Mas, do outro lado, Busquets jamais conseguiria fazer as coberturas que faz Casemiro quando se fica cara a cara (...) Casemiro é rapidíssimo, mas tem dificuldades nas outras coisas porque não trabalhou isso: tem outras características, é mais defensivo, rouba mais bolas, chega cobre mais o campo. Mas não domina o espaço-tempo”.

Críticas ao estilo de Luis Enrique no Barcelona Luis Enrique treinou o Barça entre 2014 e 2017

Embora tenha se despedido do Barça com o título da Champions League, conquistado em 2014-15 sob o comando de Luis Enrique, Xavi não gostou do estilo de jogo que o ex-treinador da equipe catalã pedia.

“Nós saíamos em contra-ataque. Luis Enrique chamava o rival a vir, para golpeá-lo (...) Estávamos todos em nosso próprio campo. Isso era impensável no Barça do Guardiola. Depende do treinador. Eu não gosto. Inclusive, ganhando por 1-0 no minuto 89 o que eu quero, e onde me sinto melhor, é no campo de ataque, tendo a bola e vendo o ataque”.

Elogios à Seleção Brasileira

“Vejo que o Brasil se recuperou. Tem um timaço e tem as duas coisas: talento e [preparo] físico. Isso é difícil. Por isso a Espanha tem tanto mérito, porque ganhou praticamente sem físico (...) Com certeza a Espanha ganhou mais físico, mas a Espanha não pode competir com a Alemanha nisso. A Espanha tem que competir através do talento”.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 18K RANK 1
LEITURAS 57M RANK 1
Mais notícias do autor
Cookies use: We use our own and third party "cookies" to improve our services, develop statistical analysis, analyse browsing habits and create interest groups. This allows us to customise the content we offer and show related advertising to your preferences. We also share this browsing analysis and interest groups with third parties. To continue browsing, please accept its use. Mais info e configurações. Aceitar

Follow BeSoccer on Facebook