noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Zico vê Messi como obstáculo na Copa América

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 3,790

Pin Zico considera a Argentina a maior ameaça do Brasil. Goal
Zico considera a Argentina a maior ameaça do Brasil. Goal

Zico vê Messi como obstáculo na Copa América

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 3,790

Ex-jogador da seleção brasileira faz elogios a Lionel Messi e faz análise sobre a situação da equipe de Tite na disputa da Copa América 2019.

A lenda do Brasil, Zico, diz que Lionel Messi e Argentina representam a maior ameaça às esperanças de seu país de vencer a Copa América em casa.

Os anfitriões estão querendo somar o nono título da Copa América em sua coleção e o primeiro desde a vitória por 3 a 0 sobre a Argentina em 2007.

Zico disse acreditar que o esforço da equipe, e não o melhor desempenho individual, será o fator decisivo no torneio, mas está preocupado com a perspectiva de um Messi em forma.

"A condição de Messi vem melhorando recentemente", disse ele à Goal.

"Se ele estiver em boa forma, a Argentina será um adversário realmente difícil. Não é necessariamente o fato de que grandes jogadores como Messi e Neymar fazem você vencer. É mais importante ter força como equipe. O Chile venceu título em 2015 e 2016 consecutivamente, e a maioria de seus jogadores estava jogando como os principais jogadores em clubes na Europa e outros países no exterior".

O Brasil tem um histórico invejável em torneios em casa - eles já receberam a Copa América quatro vezes e venceram em todas as quatro ocasiões.

 

No entanto, a sua última vitória em casa veio em 1989. Muito mais fresco na memória é a sua saída humilhante da Copa do Mundo de 2014, após uma derrota por 7-1 para a Alemanha na frente de seus próprios torcedores.

"Quando o torneio é realizado em seu próprio país, a expectativa da nação é enorme, mas os jogadores podem jogar com conforto", disse Zico.

"As pessoas não acham que faz muita diferença, mas na verdade tem um grande impacto. Quando você ouve gritos no momento em que você precisa de um empurrãozinho, os jogadores podem reagir a isso e ter o melhor desempenho".

Apesar de suas próprias performances brilhantes, Zico nunca ganhou um torneio internacional como jogador. Seus melhores resultados na famosa camisa amarela foram o terceiro lugar na Copa do Mundo de 1978 e na Copa América do ano seguinte.

Desta vez, o Brasil vai sem o seu astro após a notícia de que Neymar vai perder o torneio depois de romper os ligamentos do tornozelo em um jogo de preparação contra o Qatar.

Mas Zico conhece a história orgulhosa de seu país, assim como qualquer pessoa, e espera que eles possam viver de acordo com a pressão sem o seu principal jogador.

"A história do Brasil vai de Pelé para Garrincha, Didi, Tostão, Gerson, depois para todos nós que os seguimos. É tão importante ser escolhido para a seleção, seja para a Copa América, para a Copa do Mundo, ou apenas um jogo amistoso. É uma honra chegar a esse estágio e ser escolhido para a equipe. As pessoas esperam que os jogadores usem a camisa do Brasil, ganhem o título com orgulho e continuem ganhando. Você precisa ter força mental para superar essa pressão", disse Zico.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 34K RANK 1
LEITURAS 113M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook