noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Zidane, sobre Hazard: "Tomara que não seja nada de grave"

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 5,634

Pin Zinedine Zidane comentou sobre a lesão de Hazard. Captura/RMTV
Zinedine Zidane comentou sobre a lesão de Hazard. Captura/RMTV

Zidane, sobre Hazard: "Tomara que não seja nada de grave"

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 5,634

Zinedine Zidane, técnico do Real Madrid, concedeu entrevista coletiva após o treinamento deste sábado, véspera da partida contra o Athletic. Hazard e Varane são desfalques devido a problemas físicos.

Zidane não contará com Eden Hazard para a partida deste domingo contra o Athletic em Bilbau. Assim como Varane, o belga é desfalque por causa de lesão.

Na entrevista coletiva da véspera do jogo, o técnico francês comentou a ausência de Hazard. “Tem sentido alguns incômodos nos últimos dias e não vamos arriscar", explicou o técnico.

"Tomara não seja nada de grave e possamos contar com ele antes do final da Liga. Espero que recupere rapidamente. Também no caso dos incômodos, fazem parte do dia a dia. Sabemos apenas que sofreu um golpe forte. Confiamos nos médicos e nos fisioterapeutas, pois temos gente muito competente para lidar com essas situações. É algo duro de encarar e é uma questão de aguardar alguns dias", acrescentou Zidane.

O treinador comentou sobre sua relação com o belga. “Das piores coisas que me podem suceder é ter um jogador que não pode fazer o seu trabalho em campo, devido a uma lesão. Mas há aqui muita gente ajudando o jogador. É o primeiro ano que está aqui e quer ajudar a equipe e, quando não consegue, é claro que não fica satisfeito. Não creio que tenha medo de voltar a se lesionar. O que ele quer é jogar. É um problema para ele e para todos, porque queremos tê-lo a 100 por cento e tomara não tenha nada de problemático. Espero que em breve esteja recuperado". 

Sobre o próximo jogo, Zidane prevê dificuldades. “Mais um jogo com um elevado grau de dificuldade. San Mamés é um campo complicado para todas as equipes e estamos conscientes dessa realidade. Estamos preparados para fazer um grande jogo".

“Faltando poucos jogos e jogando de três em três dias, precisas de muita concentração em tudo o que fazes: recuperação, físico, no fundo, naquilo que fazemos nos treinos... No final são detalhes importantes. Estamos bem e continuo a desfrutar a cada dia que passa por poder treinar estes jogadores. Sabemos que temos outro jogo complicado e toda a nossa energia está reservada para o jogo de amanhã. A Liga é forte e será assim até ao fim. Estamos no bom caminho, mas isto ainda não acabou. Faltam-nos cinco jogos e vamos procurar continuar assim", acrescentou.

Benzema também foi assunto para pergunta do técnico. “Sinto que está bem, forte animicamente e concentrado no jogo de amanhã", respondeu Zidane.

“No Real Madrid a pressão é constante, mas é boa e faz com que o clube se agigante. Vivo essa pressão como treinador agora, depois de ter vivido como jogador. Mas essa pressão leva-te a fazer coisas boas", observou.

Courtois está demonstrando que é um grandíssimo goleiro. Cada um tem a sua opinião sobre ser o melhor. Temos o Courtois e estamos contentes. Os seus registos são impressionantes. Fico feliz por ele, pois estamos todos comprometidos com aquilo que fazemos com a equipe e ele é o nosso guardião", comentou o francês.

Os diferentes horários em relação ao Barcelona viraram polêmica, mas não é um problema para o treinador. “Não sei se prejudicará ou não. Os treinos de ontem e de hoje foram feitos mais tarde e mais próximos da hora a que vamos jogar amanhã. Para nós não muda nada. Depois se verá o que acontece durante o jogo, mas estamos concentrados para jogar amanhã às duas da tarde", ponderou.

Varane não entrará em campo e teve a situação explicada. “Não irá jogar apenas por precaução, mas está muito melhor. Não quero correr qualquer risco com ele, pois tem jogado muito e não há mal nenhum se lhe der um pouco de descanso", justificou.

Na ausência do zagueiro francês, Militão deverá assumir a função na zaga. “Chegou apenas esta temporada e para atingir o nível de Ramos e Varane só depende dele. É aplicado no trabalho, quer fazer as coisas bem e amanhã vai ter a oportunidade de jogar. Estou satisfeito com ele, pois é um jogador do presente e do futuro", avaliou o técnico.

“Os jogadores sabem que se trata de uma competição difícil, complicada e longa. Por aquilo que fizeram durante o confinamento demonstraram que estão dispostos a deixar tudo em campo. Aqui não existe euforia porque não ganhamos nada. Apenas trabalho, compromisso e tentar fazer as coisas bem todos os dias para ganhar os jogos", disse Zidane.

Sobre Rodrygo, é momento de evoluir ainda mais. “É um jogador que está se aperfeiçoando aos poucos e trabalhando muitíssimo. É um bom rapaz e aproveitamos as suas qualidades", afirmou o francês.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 53K RANK 1
LEITURAS 147M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook