noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Igor Gomes é o "novo Kaká"? Rótulo não costuma ajudar talentos brasileiros

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 195

Pin Rótulo não costuma ajudar talentos brasileiros. EFE
Rótulo não costuma ajudar talentos brasileiros. EFE

Igor Gomes é o "novo Kaká"? Rótulo não costuma ajudar talentos brasileiros

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 195

Muitos jogadores foram comparados ao melhor do mundo de 2007 nos últimos anos, mas nenhum repetiu seu sucesso

Que jogador não gostaria de ser comparado a Kaká, último brasileiro a ser eleito o melhor do mundo? Igor Gomes, 21 anos, meia, revelado pelo São Paulo, é o mais novo candidato a "novo Kaká" - e foi inclusive rotulado assim por um jornal espanhol que o colocou na mira do Real Madrid. 

Só que há um porém: jovens talentos brasileiros que ganharam este apelido recentemente ficaram longe de repetir o sucesso do ex-jogador do Tricolor, do Milan, do Real Madrid, do Orlando City e da seleção. Veja na lista abaixo!

Mirray

Mirray é um meia que surgiu com destaque nas categorias de base do São Paulo no início desta década. Ele, no entanto, acabou não tendo chances entre os profissionais da equipe e foi emprestado para Nacional-SP e São Bento. Sem contrato com o Tricolor desde 2016, rodou por equipes de menor expressão do Brasil e atualmente defende o Barretos na terceira divisão paulista.

Sérgio Mota

Um dos destaques do vice-campeonato na Copinha de 2007, Sérgio Mota subiu para o time principal do Tricolor cercado de expectativas. Acabou não se firmando e foi emprestado para Toledo, Ceará, Icasa e Santo André. Com o fim do contrato com o São Paulo, tornou-se um andarilho da bola: atuou em outros times brasileiros, como América-MG, Botafogo-SP, CRB e Luverdense. Hoje com 30 anos, está no Guizhou Hengfeng, da segunda divisão chinesa.

Oscar

Talvez Oscar seja o mais bem sucedido entre os jogadores rotulados como "novo Kaká". Não brilhou no São Paulo, é verdade, e teve uma saída tumultuada na Justiça, mas foi bem pelo Inter e atuou por quatro temporadas no Chelsea. Além disso, vestiu a camisa da seleção e jogou inclusive a Copa do Mundo de 2014. Hoje ele tem 28 anos e defende o Shanghai SIPG, da China, desde 2017.

Lucas Paquetá

Kaká foi um dos nomes mais ouvidos na apresentação de Lucas Paquetá no Milan em janeiro de 2019. Era grande a expectativa para que o jovem meia contratado por 35 milhões de euros do Flamengo repetisse a trajetória do compatriota pelo clube rossonero. Pelo menos até aqui, no entanto, Paquetá não brilhou pelo Milan e está tendo dificuldades para se firmar como titular.

Lucas Piazon

Este candidato a "novo Kaká" se destacou tanto nas competições de base pelo São Paulo que o Chelsea o contratou quando ele tinha apenas 17 anos, em 2011. Mas Piazon nunca teve sequência no time londrino e foi emprestado sucessivas vezes - para Málaga, Vitesse, Eintracht Frankfurt, Reading, Fulham e Chievo. Aos 26 anos, hoje defende o português Rio Ave.

Reinier 

Ele não foi relevado pelo São Paulo, mas foi comparado a Kaká quando começou a se destacar pelo Flamengo e inclusive disse ter ficado "lisonjeado". Reinier ajudou o clube rubro-negro a ser campeão brasileiro e da Libertadores ano passado antes de partir para o Real Madrid, que o contratou por 30 milhões de euros. Agora é aguardar para ver se ele vai ser um "novo Kaká" de sucesso. 
 

BeSoccer

BeSoccer

noticias 48K RANK 1
LEITURAS 138M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook