We use "cookies" to personalize our content, tailor Ads, measure their performance, and provide you with a better, faster, safer experience. By using our services, you agree to our Cookie Policy. More info and settings. Accept

Apesar de ter três nomes na agenda, Barça deve manter Luis Enrique

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 1,919

Pin
Quem será o futuro técnico do Barça? Goal

Técnico asturiano tem sido muito criticado recentemente, principalmente após a goleada sofrida para o PSG.

A goleada por 4 a 0 sofrida para o PSG na Champions League continua tendo uma repercussão enorme no Barcelona, e as críticas e a pressão são destinadas, principalmente, ao técnico Luis Enrique.

Após o triplete e o doblete em suas primeiras duas temporadas no Barça, o treinador tem enfrentado dificuldades em 2016/17. Apesar de estar na final da Copa do Rei, os 'blaugranas' estão no segundo lugar de LaLiga, mesmo tendo dois jogos a mais que o Real Madrid, e estão próximos da eliminação na Champions League.

A pressão é enorme, as críticas só aumentam com o desempenho e os resultados decepcionantes do time, e por isso, existe uma enorme possibilidade de Luis Enrique deixar o clube após o fim da temporada.

Segundo apurou a 'Goal', existe uma lista de três nomes que podem substituir o asturiano e são estudados pela diretoria 'azulgrana'. Os alvos são Ronald Koeman, lenda do Barcelona, que marcou o gol do título da Champions em 1992, e depois da brilhante carreira como jogador, tem feito bons trabalhos como técnico, estando bem no Everton após ótimos trabalhos principalmente no Southampton e no Ajax; Ernesto Valverde, ex-jogador do Barça, que está bem já há alguns anos no Athletic Bilbao, com mais de 300 jogos no comando da equipe basca; e Eusebio Sacristán, ex-meio-campista dos 'blaugranas', jogador fundamental no 'dream team' de Johan Cruyff, entre 1988 e 1995, que foi técnico do Barça B e atualmente impressiona na Real Sociedad, fazendo uma boa campanha em LaLiga.

Outro nome sempre cogitado no Barcelona é o de Jorge Sampaoli, que após um trabalho fenomenal no Chile, faz um excelente trabalho no Sevilla. No entanto, ele tem mais dois anos de contrato com a equipe do Ramón Sánchez Pizjuán e parece inclinado a renovar seu vínculo, mesmo com o sonho declarado de treinar Lionel Messi. O argentino inclusive, rejeitou a seleção de seu país recentemente por estar comprometido com os 'rojiblancos'.

No entanto, também existe a possibilidade de Luis Enrique continuar no comando do Barcelona. Seu contrato acaba em julho, mas a diretoria cogita renovar seu vínculo. 

A cúpula 'barcelonista' não acredita em uma reviravolta contra o PSG, mas crê que o time pode conseguir uma boa vitória e uma despedida digna da Champions League, e depois manter o doblete doméstico, conquistando o tricampeonato de LaLiga e da Copa do Rei, dando mais crédito para Luis Enrique, que fez um ótimo trabalho em suas primeiras duas temporadas, continue no comando. 

Apenas o título do torneio mata-mata, porém, que parece ser o mais provável atualmente, não vai garantir o emprego do asturiano. Resta ver qual será a decisão da diretoria após o fim da temporada.

Follow BeSoccer on Facebook