noscript image
GooglePlay Logo AppStore Logo Uptodown Logo

Ele sonha com gols pelo Corinthians, mas não esquece o que aprendeu com um ídolo palmeirense

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 1,666

Pin Marclei joga na Tailândia, mas sonha com o Brasil. Goal
Marclei joga na Tailândia, mas sonha com o Brasil. Goal

Ele sonha com gols pelo Corinthians, mas não esquece o que aprendeu com um ídolo palmeirense

BeSoccer por BeSoccer @besoccer_com - 0 1,666

Marclei é apenas mais um dentre os muitos jogadores brasileiros no futebol tailandês, mas tem muita história para contar.

Um recente relatório publicado pela FIFA apontou que o jogador brasileiro ainda é o que mais roda o mundo para jogar futebol, e o país que mais contrata o nosso ‘pé de obra’ é a Tailândia, deixando claro que a realidade da profissão mostra que ‘Coutinhos’ e ‘Neymares’ são exceções.

Marclei César é um exemplo perfeito desta realidade. Artilheiro do Campeonato Baiano em 2017, pelo Bahia de Feira de Santana, o atacante faz o seu primeiro ano no Chonburi, da Tailândia, após uma passagem espetacular pelo também desconhecido futebol da Indonésia – onde fez 24 gols pelo Mitra Kukar.

Apelidado como 'Marcleimovic', pela admiração que tem por Zlatan Ibrahimovic, este verdadeiro cigano da bola busca no futebol asiático a chance de trabalhar fazendo o que mais ama, mas sempre mirando alto em seus sonhos.

É preciso agarrar as oportunidades com unhas e dentes, e eu estou vivendo essa como se fosse a última. A cada treino, a cada jogo. Todos os dias.  E já estou sendo bem reconhecido aqui pelo que fiz no ano passado, e estreei fazendo gol... . É claro que a gente sente falta da família, apesar de já estar muito tempo na estrada. Mas o trabalho vem em primeiro lugar, porque nossa carreira é curta. Então é jogar e se divertir”, disse o jogador de 28 anos para a 'Goal Brasil'.

Todo esse esforço é concentrado em um objetivo de vida: disputar a Série A do Campeonato Brasileiro. E, ciente de que muitos clubes buscam um centroavante de presença na área, o atleta de 1,85m não perde a oportunidade de vender muito bem o seu peixe: “Sou o velho camisa 9, aquele que fica perto do gol ali, sempre esperando uma chance pra finalizar. Tanto chutando quanto de cabeça”, explicou.

Dentre os clubes que gostaria de vestir a camisa no Brasileirão, Marclei não esconde o sonho em defender o Corinthians, seu time de infância. Mas revela a curiosidade de ter como um dos maiores ídolos justamente um atacante que marcou o nome pelo Palmeiras.

“Eu sempre fico olhando os vídeos dos camisas 9 que fizeram história. Eu olho muito os vídeos do Evair, que por sinal foi meu treinador no River. Aliás, tenho até uma semelhança batendo pênalti com ele. Ele me ensinou muito, sou muito grato. O Cláudio Adão também, que foi meu treinador e era um cara que eu sempre via, porque jogou e foi artilheiro no Bahia. E o próprio Ronaldo, que era completo”.

O meu sonho é jogar a Série A, se acontecer pelo Corinthians, maravilhoso. Mas se for por outro time também, porque jogar a Série A é uma meta que eu tenho”, confidencia, sem esconder que o objetivo profissional se mistura também com o pessoal, que é ficar mais próximo de suas filhas que moram no Brasil.

 “Minhas duas filhas estudam no Brasil, porque depois daqui eu não sei para onde eu vou e não quero atrapalhar os estudos delas”, finalizou o jogador com nome estranho, mas com história 100% brasileira.

BeSoccer

BeSoccer

noticias 55K RANK 1
LEITURAS 152M RANK 1
Mais notícias do autor

Follow BeSoccer on Facebook